Connect with us

Nacional

Discussão na generalidade do uso adulto de canábis adiada por mais 60 dias

Laura Ramos

Published

on

Foto: D.R.

A Presidente da Comissão Parlamentar de Saúde, Maria Antónia Almeida Santos, deputada do Partido Socialista (PS), pediu recentemente uma primeira prorrogação do prazo, por mais 60 dias, para nova apreciação na generalidade dos dois projectos de lei para legalização do uso adulto de canábis, submetidos pelo Bloco de Esquerda e pela Iniciativa Liberal à Assembleia da República (AR). 

O Presidente da AR, Eduardo Ferro Rodrigues, autorizou esta primeira prorrogação do prazo no passado dia 10 de Setembro de 2021. Os projectos de lei baixaram à Comissão sem votação (para discussão na generalidade) no dia 9 de Junho de 2021, pelo prazo de 60 dias, que entretanto expiraram, no dia 9 de Agosto. Tudo indica que este não será o único pedido de prorrogação do prazo e que o debate, na generalidade e na especialidade, se poderá arrastar mais alguns meses no Parlamento, antes de ser votado. A discussão dos projectos de lei sobre a legalização do uso adulto de canábis ainda não começou.

oficio

*******************************************************************************
Apoie o Cannareporter e o jornalismo independente! Se considera importante o acesso a informação especializada em canábis ou cânhamo em Portugal e no resto do mundo, considere ser um dos nossos patronos. Pode contribuir com a partir de apenas 3€ / mês ou investir em publicidade no nosso site, dando visibilidade à sua marca em mais de 30 países. Veja as contrapartidas em www.patreon.com/cannareporter ou peça mais informações através do e-mail publicidade@cannareporter.eu. Obrigado!

Publicidade

O CannaReporter é um projecto independente e completamente suportado pela comunidade.

Para continuar a desenvolver este projecto e para garantir os recursos para acompanhar a indústria em Portugal, o apoio dos leitores é fundamental.


l

Clique abaixo e torne-se apoiante do CannaReporter!

Torna-te Patreon e contribui para o projecto CannaReporter!
Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *