Connect with us
Publicidade
Publicidade
Publicidade

Entrevistas

Três perguntas sobre o Projecto de Lei a Moisés Ferreira

Moisés Ferreira, deputado do Bloco de Esquerda e principal autor do Projecto de Lei n.º 726/XIII/3.ª, que regula a utilização da planta, substâncias e preparações de canábis para fins medicinais, estará no dia 11 de Janeiro em foco na Reunião Plenária da Assembleia da República. Fizemos-lhe três perguntas essenciais sobre o Projecto de Lei que […]

Publicado

em

Ouvir este artigo

Moisés Ferreira, deputado do Bloco de Esquerda e principal autor do Projecto de Lei n.º 726/XIII/3.ª, que regula a utilização da planta, substâncias e preparações de canábis para fins medicinais, estará no dia 11 de Janeiro em foco na Reunião Plenária da Assembleia da República. Fizemos-lhe três perguntas essenciais sobre o Projecto de Lei que vai ser discutido.

  1. Qual é o principal objectivo deste Projecto de Lei?
    O principal objectivo é disponibilizar a médicos e a doentes novos produtos, instrumentos e terapêuticas que são comprovadamente eficazes e seguros. A canábis pode trazer inúmeros benefícios para doentes com determinadas doenças, seja para alívio e controlo de sintomas, seja como terapia complementar. Não há razão nenhuma para que esta planta não seja colocada ao dispor dos doentes e dos profissionais de saúde. O projecto do Bloco de Esquerda resolve esse problema: permite que os médicos possam prescrever canábis e que esta planta e preparações derivadas sejam dispensadas em farmácias. Este projecto melhora o acesso à saúde e a tratamentos eficazes e prevê que os detentores de uma receita prescrita por médico possam ser autorizados a cultivar as suas próprias plantas, dentro dos limites definidos.
  1. O que é que a sociedade em geral tem a ganhar com a legalização da canábis para fins medicinais?
    Há muito tempo que se sabe que a canábis é eficaz no tratamento da dor, na diminuição da náusea associada à quimioterapia, na estimulação do apetite ou no tratamento do glaucoma, por exemplo. E a investigação mais recente comprova o benefício desta planta em muitas outras doenças, como é o caso de doenças neuromusculares, doenças neurodegenerativas, epilepsia, síndrome de Dravet, distúrbios alimentares, VIH/Sida, fibromialgia, síndrome de Tourette, entre tantas outras. Quando se sabe tudo isto, é fácil perceber que a legalização da canábis para fins medicinais será uma enorme vantagem para a sociedade.
  1. Como espera que corra o debate? Acha que os outros partidos irão apresentar  outras propostas?
    Isso é algo que depende da iniciativa dos outros partidos, mas tendo em conta a importância do assunto e tendo em conta que estamos a falar de uma medida que pode melhorar a vida e a qualidade de vida de muitos milhares de pessoas com doença, seria importante que todos os partidos participassem neste debate e se conseguisse o maior consenso possível em torno da legalização da canábis para fins medicinais.
    ____________________________________________________________
    Foto de destaque: Laura Ramos

Clique aqui para comentar
Subscribe
Notify of
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Publicidade


Veja o Documentário "Pacientes"

Documentário Pacientes Laura Ramos Ajude-nos a crescer

Mais recentes

Eventos13 horas atrás

Festa dos 20 anos da Cognoscitiva é já este Sábado, em Lisboa

A Cognoscitiva celebra 20 anos de existência com uma festa na loja de Benfica, este sábado, dia 23 de Setembro,...

Nacional2 dias atrás

Funeral de Alberto Pires realiza-se hoje em Aver-o-Mar, Póvoa de Varzim

As cerimónias fúnebres de Alberto Pires, que morreu tragicamente na passada sexta-feira num acidente de viação, decorrem hoje no cemitério...

Entrevistas3 dias atrás

Andrew Wilson: “Amamos Portugal e o Infarmed é uma das entidades reguladoras mais avançadas e com visão de futuro do mundo”

Andrew Wilson, fundador e CEO da GrowerIQ, uma plataforma de gestão e software de cultivo de canábis para produtores de...

Nacional3 dias atrás

Portugal prepara-se para legalizar o uso adulto de canábis

Há mudanças significativas no discurso político sobre a legalização da canábis em Portugal. Na sessão de abertura do debate de...

Nacional3 dias atrás

Deputados portugueses partilham posicionamento que pode favorecer a regulamentação

Na conferência “Exposição à canábis na adolescência” os deputados deram a conhecer os seus posicionamentos sobre a regulamentação da canábis...

Economia3 dias atrás

GrowerIQ recebe financiamento de 1 milhão do governo do Canadá

A GrowerIQ, uma empresa de tecnologia de canábis, acaba de receber 1.080.000 de dólares canadianos do governo do Canadá, num projecto...

Notícias3 dias atrás

Estudo diz que utilização regular de canábis por jovens adultos revelou melhorias na funcionalidade cognitiva e diminuição na utilização de medicamentos

Numa investigação inovadora centrada em adolescentes e jovens adultos susceptíveis de desenvolver perturbações psicóticas, um estudo recente conduzido em colaboração por...

Nacional5 dias atrás

Morreu Alberto Pires, da Cannadouro e da Planeta Sensi, aos 45 anos

O sector do cânhamo e da canábis em Portugal estão de luto. Alberto Pires, co-fundador da Cannadouro – Feira Internacional...

Eventos6 dias atrás

Portugal: “Exposição à Canábis na Adolescência e Saúde” vai ser debatida em conferência na Assembleia da República

É já no próximo dia 19 de Setembro que a Iniciativa Cidadã para a Regulamentação Responsável da Canábis para Adultos organiza uma...

Entrevistas7 dias atrás

Alfredo Pascual: “Os mercados de canábis medicinal na Europa estão a crescer. Algumas empresas estão, de facto, a sair-se bem”

Aos 36 anos, Alfredo Pascual é um nome incontornável da indústria da canábis e orador convidado em inúmeras conferências internacionais....