Connect with us
Publicidade
Publicidade

Uncategorized

Conselho de economistas propõe legalização recreativa na França

Publicado

em

O Conselho Francês de Análise Económica publicou um relatório, que não tinha sido pedido pelo governo, que projecta para França um mercado de canábis recreativa de 2,8 mil milhões de Euros anuais. Sugestão de legalização para melhor combate do tráfico já foi descartada pelo governo francês.

O Conselho Francês de Análise Económica (CAE), órgão encarregado de aconselhar o governo sobre políticas, observou que, apesar das suas restritas leis relativamente a substâncias controladas, os franceses são dos maiores consumidores de canábis da Europa.

O CAE estimou que, com base num consumo anual de 500 a 700 toneladas anuais, os impostos sobre a canábis legal podem trazer até 2,8 mil milhões de euros para os cofres do estado francês e criar até 80.000 postos de trabalho. Com a justificação de que os impostos provenientes da vendas de canábis para fins recreativos, poderá ajudar a financiar os esforços para combater o tráfico, o CAE sugeriu a criação de um monopólio estatal para licenciar a produção e venda de canábis.


Governo rejeita proposta


A administração centrista de Macron já veio descartar a possibilidade de implementar a proposta sugerida, dizendo que só consideraria legalizar a canábis para fins medicinais: “A posição do governo é muito clara: somos contra a legalização para uso recreativo”, disse a ministra dos Transportes Elisabeth Borne à televisão LCI a 20 de junho .

Estima-se que cerca de 700.000 pessoas usem a droga todos os dias na França, de uma população total de 67 milhões. “O sistema de proibição promovido pela França nos últimos 50 anos foi um fracasso”, disse o CAE no relatório, acusando a proibição de alimentar o crime organizado.

O relatório, que não foi encomendado pelo governo, surge em simultâneo com o crescente debate sobre se a França deve seguir o exemplo do Uruguai, Canadá e vários estados dos EUA na legalização da canábis para fins recreativos.

 

Clique aqui para comentar
Subscribe
Notify of
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Publicidade
Publicidade

Veja o Documentário "Pacientes"

Documentário Pacientes Laura Ramos Ajude-nos a crescer

Mais recentes

Internacional8 horas atrás

Japão dá passos para legalizar o uso medicinal de canábis

O governo do Japão está a considerar uma revisão da sua Lei de Controlo da Canábis, que permitiria o uso...

Comunicados de Imprensa1 dia atrás

EUA: Curaleaf encerra operações na Califórnia, Colorado e Oregon

A Curaleaf Holdings anunciou hoje em comunicado de Imprensa o encerramento proactivo da maioria das suas operações na Califórnia, Colorado...

Corporações1 dia atrás

Bedrocan expande produção de canábis medicinal para a Dinamarca

O produtor holandês de canábis medicinal Bedrocan vai abrir uma nova instalação na Dinamarca, de forma a responder à procura...

Internacional1 dia atrás

Malta: Registo para obter licenças de canábis inicia a 28 de Fevereiro

Já passou quase um ano desde que Malta aprovou a legislação para regulamentar o uso adulto da canábis, permitindo a posse...

Internacional2 dias atrás

França dá um passo em frente na legalização da canábis

O Conselho Económico, Social e Ambiental (Cese) de França propôs uma “legalização supervisionada” da canábis, num esforço para “ser orientado...

Comunicados de Imprensa2 dias atrás

Suíça: Linnea obtém licença para produção e exportação de API’s com alto teor de THC

A Linnea SA obteve a licença de narcóticos da Swissmedic, a equivalente suíça ao Infarmed I.P., tornando-a numa das primeiras...

Internacional2 dias atrás

Alemanha pretende concluir projecto de lei e parecer técnico sobre a legalização até final de Março

O projecto de lei do governo alemão para a legalização da canábis deverá estar concluído até ao final de Março,...

Internacional4 dias atrás

EUA: Supremo Tribunal do Arizona decide que uso de canábis medicinal durante a gravidez não constitui negligência infantil

O Supremo Tribunal do Arizona decidiu que o uso materno de canábis para enjôos matinais não constitui negligência infantil, avançou a...

Internacional4 dias atrás

República Checa: Projecto para a legalização do uso adulto poderá ser apresentado já em Março

A legislação que regulamentará a canábis para fins recreativos na República Checa poderá ver a luz do dia dentro de...

Nacional4 dias atrás

Clever Leaves despede 63 pessoas e sai de Portugal

A Clever Leaves anunciou hoje que vai abandonar as suas operações em Portugal, tendo procedido ao despedimento colectivo de 63 trabalhadores....