Connect with us
Publicidade
Publicidade

Internacional

Presidente de Malta descarta canábis recreativa

Publicado

em

O Presidente da República de Malta pôs de parte a legalização da canábis para fins recreativos, anunciou numa conferência sobre drogas e saúde mental, no passado dia 18 de Junho. Médico de profissão, George Vella defende que é necessário cautela na regulamentação daquela que é a substância ilegal mais consumida no país.

O presidente disse ainda que, apesar dos benefícios que se retiram de uma utilização médica, estender a legalização à canábis para fins recreativos é um assunto que deve ser tratado com muita precaução.

George Vella, que participou como orador numa conferência sobre drogas e saúde mental, organizada pela Fundação OASI, ressalvou que as discussões sobre qualquer possível legalização da canábis recreativa devem ter em conta as investigações de especialistas bem como as melhores práticas de outros países na área.

“Se for provado no futuro que os canabinóides têm uma utilidade médica específica, então não há nada errado em usar a canábis para esse fim” disse George Vella. O Presidente e médico Maltês, afirma ainda que Malta deve ser cautelosa quanto ao uso recreativo e tem que “ter em conta as investigações em questões como se a canábis pode actuar como uma droga de entrada e se pode resultar em dependência psicológica”.

Clique aqui para comentar
Subscribe
Notify of
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Publicidade
Publicidade

Veja o Documentário "Pacientes"

Documentário Pacientes Laura Ramos Ajude-nos a crescer

Mais recentes

Internacional6 horas atrás

Como vão funcionar as associações de canábis em Malta?

A Autoridade para o Uso Responsável de Canábis (ARUC), entidade Maltesa com responsabilidade na regulamentação da indústria legal e recreativa...

Corporações6 horas atrás

Organigram notificada pela Nasdaq por falhar valor mínimo de negociação

A Organigram Holdings Inc. foi notificada pela Nasdaq de que terá até ao próximo mês de Julho para atingir o...

Cânhamo1 dia atrás

EUA: FDA recusa regulamentar CBD devido a preocupações de segurança

A Food and Drug Administration (FDA) rejeitou iniciar o processo de regulamentação do CBD em produtos alimentares, por não considerar...

Internacional1 dia atrás

Hong Kong: Proibição do CBD entra em vigor a 1 de Fevereiro, com multas milionárias e penas de prisão perpétua

Hong Kong vai classificar oficialmente o Canabidiol (CBD) como uma “droga perigosa” já a partir desta quarta-feira, 1 de Fevereiro,  e...

Internacional4 dias atrás

Japão dá passos para legalizar o uso medicinal de canábis

O governo do Japão está a considerar uma revisão da sua Lei de Controlo da Canábis, que permitiria o uso...

Comunicados de Imprensa5 dias atrás

EUA: Curaleaf encerra operações na Califórnia, Colorado e Oregon

A Curaleaf Holdings anunciou hoje em comunicado de Imprensa o encerramento proactivo da maioria das suas operações na Califórnia, Colorado...

Corporações5 dias atrás

Bedrocan expande produção de canábis medicinal para a Dinamarca

O produtor holandês de canábis medicinal Bedrocan vai abrir uma nova instalação na Dinamarca, de forma a responder à procura...

Internacional5 dias atrás

Malta: Registo para obter licenças de canábis inicia a 28 de Fevereiro

Já passou quase um ano desde que Malta aprovou a legislação para regulamentar o uso adulto da canábis, permitindo a posse...

Internacional6 dias atrás

França dá um passo em frente na legalização da canábis

O Conselho Económico, Social e Ambiental (Cese) de França propôs uma “legalização supervisionada” da canábis, num esforço para “ser orientado...

Comunicados de Imprensa6 dias atrás

Suíça: Linnea obtém licença para produção e exportação de API’s com alto teor de THC

A Linnea SA obteve a licença de narcóticos da Swissmedic, a equivalente suíça ao Infarmed I.P., tornando-a numa das primeiras...