Connect with us
Publicidade
Publicidade

Internacional

Flowr adquire totalidade da Holigen Holdings

Publicado

em

A Corporação Flowr (FLWR no Canadian Venture Exchange) (FLWPF na OTC Markets) anunciou segunda-feira planos para adquirir totalmente a Holigen Holdings com a compra de 80,2% de participação remanescente da Holigen Holdings Ltd. A Holigen detém a totalidade da empresa portuguesa RPK Biopharma, com actividade em Portugal como um projecto de “Interesse Nacional”.

O produtor licenciado (LP) de Toronto, Flowr Corp emitiu um comunicado onde anuncia a intenção de compra da totalidade das acções da Holigen Holdings Ltd. A Holigen é uma empresa de canábis medicinal com sede na Europa que desenvolve instalações de cultivo em larga escala, com actividade em Portugal, nomeadamente em Sintra e Aljustrel.

“A aquisição completa da Holigen é uma evolução natural da nossa estratégia global de canábis. A combinação do know-how de cultivo e design de instalações da Flowr com a presença global da Holigen, experiência em boas práticas de fabrico e profunda experiência farmacêutica são uma excelente combinação. As oportunidades na Europa e os mercados de canábis medicinal australiano-asiáticos são enormes e a Holigen tem uma escala incomparável para atender essas regiões”, disse o CEO da Flowr Vinay Tolia.

Num anunciou em dezembro de 2018, a Flowr dava conta da aquisição de 19,8% da Holigen. A actividade da Holigen em Portugal é realizada maioritariamente através da subsidiária RPK Biopharma. Esta última aguarda as validações do INFARMED para iniciar a produção em Sintra e Aljustrel, numa produção que totaliza mais de 400 toneladas anuais de canábis. Este projecto foi designado Projecto de Interesse Nacional pelo governo Português, o que garante um tratamento e prioridade especiais por parte das agências governamentais e acesso a financiamento de baixo custo.

Aumentar a escala global

“Ao longo deste ano, trabalhámos em estreita colaboração com a gestão da Holigen para ajudar a desenvolver os seus activos incríveis, nomeadamente em Aljustrel, onde a empresa possui uma instalação de cultivo ao ar livre. Aljustrel, que deverá estar operacional no segundo semestre de 2019 — num projecto com uma capacidade de produção esperada de mais de 500.000 quilos por ano. Esta aquisição posiciona a Flowr para ser bem sucedida com duas estratégias distintas e economicamente sustentáveis, o mercado de flores no Canadá e o mercado, em larga escala, dos extractos médicos a nível mundial”, lê-se no comunidado assinado pelo CEO.

Detalhes da transação

Os detalhes da transacção são conhecidos e segundo o documento publicado pela companhia, a compra da Holigen implicará 32 milhões de acções preferenciais resgatáveis e convertíveis ​​da Flowr, em conjunto com um montante de cerca de 4,27 milhões de euros. A Flowr concordou ainda em pagar um montante agregado de cerca de 1,4 milhões de euros a vários credores da Holigen, condição sujeita ao fecho da transação. O preço de compra ainda será sujeito a uma nova análise baseada nos montantes em caixa da Holigen no dia de fecho da transacção.

Na terça feira as acções da Flowr estavam cotadas em 5.87 dólares americanos

 

Clique aqui para comentar
Subscribe
Notify of
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Publicidade
Publicidade

Veja o Documentário "Pacientes"

Documentário Pacientes Laura Ramos Ajude-nos a crescer

Mais recentes

Internacional16 horas atrás

High Tide e Sanity Group unem forças para a legalização na Alemanha

A High Tide Inc., uma empresa canadiana especializada na distribuição de acessórios para fumadores e produtos ligados ao consumo de...

Internacional20 horas atrás

Suíça iniciou vendas legais de canábis com software de rastreio focado na transparência

Após 6 meses de atraso, a Suíça está pronta a fazer história com a venda legal de canábis no país,...

Internacional21 horas atrás

Argentina cria Agência Regulatória da Indústria do Cânhamo e da Canábis Medicinal

A Argentina deu um passo ousado no sentido de se tornar um actor importante no mercado global da canábis, ao...

Internacional2 dias atrás

Como vão funcionar as associações de canábis em Malta?

A Autoridade para o Uso Responsável de Canábis (ARUC), entidade Maltesa com responsabilidade na regulamentação da indústria legal e recreativa...

Corporações2 dias atrás

Organigram notificada pela Nasdaq por falhar valor mínimo de negociação

A Organigram Holdings Inc. foi notificada pela Nasdaq de que terá até ao próximo mês de Julho para atingir o...

Cânhamo2 dias atrás

EUA: FDA recusa regulamentar CBD devido a preocupações de segurança

A Food and Drug Administration (FDA) rejeitou iniciar o processo de regulamentação do CBD em produtos alimentares, por não considerar...

Internacional3 dias atrás

Hong Kong: Proibição do CBD entra em vigor a 1 de Fevereiro, com multas milionárias e penas de prisão perpétua

Hong Kong vai classificar oficialmente o Canabidiol (CBD) como uma “droga perigosa” já a partir desta quarta-feira, 1 de Fevereiro,  e...

Internacional6 dias atrás

Japão dá passos para legalizar o uso medicinal de canábis

O governo do Japão está a considerar uma revisão da sua Lei de Controlo da Canábis, que permitiria o uso...

Comunicados de Imprensa7 dias atrás

EUA: Curaleaf encerra operações na Califórnia, Colorado e Oregon

A Curaleaf Holdings anunciou hoje em comunicado de Imprensa o encerramento proactivo da maioria das suas operações na Califórnia, Colorado...

Corporações7 dias atrás

Bedrocan expande produção de canábis medicinal para a Dinamarca

O produtor holandês de canábis medicinal Bedrocan vai abrir uma nova instalação na Dinamarca, de forma a responder à procura...