Connect with us

Internacional

Irlanda inicia projecto piloto sobre Canábis Medicinal

Publicado

em

Ouvir este artigo

A Irlanda irá iniciar um projecto piloto de canábis medicinal ainda durante este ano, segundo uma nova lei, assinada pelo Ministro da Saúde da Irlanda na semana passada.

A canábis medicinal está a ser regulamentada na Irlanda, segundo um texto assinado pela ministra da saúde. O programa piloto terá uma duração de cinco anos e o acesso aos medicamentos à base de canábis será realizado através de um acesso restrito aos pacientes com as seguintes condições de qualificação:

  • espasticidade associada a Esclerose Múltipla;
  • náuseas e vômito em fase refractária ​​(não facilmente controlados ou controlados) associados à quimioterapia;
  • epilepsia grave resistente ao tratamento;

Lista curta, mas um começo

Antes dos medicamentos estarem disponíveis no mercado, nomeadamente nas farmácias, os fornecedores necessitam de solicitar uma avaliação dos seus produtos. Se os produtos forem aprovados pelo regulador da saúde irlandês, poderão então ser prescritos por médicos especialistas, apenas.

“Durante anos, as famílias lutaram para que este programa fosse estabelecido e, durante anos, enfrentamos muitos desafios e obstáculos”, disse oministro da Saúde Simon Harris na semana em que assinou o documento.“Estou muito satisfeito por estar aqui hoje a implementar este programa e a ajudar as vidas de muitas famílias em todo o país”, concluíu.

Comparticipação a 100%

Os Serviços de Saúde da Irlanda (HSE) vão cobrir o custo dos produtos de canábis, com uma comparticipação da totalidade dos produtos adquiridos pelos pacientes. Esta será uma medida bem recebida por muitos, pelos custos que os medicamentos à base de canábis acarretam. O HSE irá também manter uma base de dados de pacientes, prescritores bem como dos produtos aceites no programa piloto.

Muitos pacientes de fora do programa

Embora a iniciativa seja, no geral, uma boa notícia, vários pacientes com outras condições médicas – como dor crônica – não estarão incluídos no piloto. A situação suscita mais esclarecimentos pelo facto de não estar claro, neste momento, se podem ser consideradas e adicionadas outras patologias como critério de qualificação para o programa, durante o período inicial de 5 anos.

Os trabalhos para estabelecer o programa começaram em março de 2017, após a apresentação de um relatório da Autoridade Reguladora de Produtos de Saúde (HPRA) – Cannabis for Medical Use – uma revisão científica-, preparado a pedido do Ministro da Saúde da Irlanda.

O ministro Harris disse que os primeiros medicamentos ao abrigo do programa estarão disponíveis no mercado no outono – entre o final de setembro e o final de dezembro.

 

Podem ser encontradas aqui mais informações sobre o programa piloto de canábis medicinal da Irlanda.

1 Comment
Subscribe
Notify of
1 Comentário
Inline Feedbacks
View all comments
1 ano atrás

Excellent pieces. Keep posting such kind of info
on your blog. Im really impressed by it.
Hello there, You’ve done an incredible job.

I will certainly digg it and for my part suggest to
my friends. I am sure they will be benefited from this site.

Publicidade


Veja o Documentário "Pacientes"

Documentário Pacientes Laura Ramos Ajude-nos a crescer

Mais recentes

Comunicados de Imprensa10 horas atrás

Porto, Matosinhos, Valongo e Paredes – Oito detidos por tráfico e apreendidas mais de 8000 doses de estupefacientes

O Comando Territorial do Porto, através do Núcleo de Investigação Criminal (NIC) de Santo Tirso, entre os dias 20 e...

Nacional2 dias atrás

Portugal: GNR apreende 3 toneladas de haxixe no Rio Guadiana

A Unidade de Controlo Costeiro e de Fronteiras (UCCF) da Guarda Nacional Republicana (GNR) apreendeu na passada sexta-feira, dia 23...

Eventos2 dias atrás

Spannabis 2024: Barcelona acolhe a 20ª edição da maior exposição de canábis do mundo, de 15 a 17 de Março

Barcelona prepara-se para acolher a 20.ª edição da Spannabis, a maior feira de canábis do mundo, nos próximos dias 15,...

Internacional5 dias atrás

Alemanha: Bundestag votou hoje a favor da legalização da canábis, mas ainda é necessária a aprovação do Conselho Federal

O Bundestag debateu e votou esta tarde o projecto da legalização do uso pessoal de canábis no país, com 407...

Internacional6 dias atrás

Alemanha: Legalização vai ser discutida esta sexta-feira, dia 23

O Bundestag da Alemanha vai finalmente deliberar sobre a legalização da canábis para consumo pessoal no país. O debate, que tem sido...

Cânhamo1 semana atrás

Cultivo de Cânhamo nos Açores vai ter sessão de esclarecimento na Ilha Terceira

A Confraria Internacional Cannabis Portugal e a CannAzores unem esforços para promover uma Sessão de Esclarecimento sobre o Cultivo de...

Saúde2 semanas atrás

CBD e CBC mostram resultados promissores no carcinoma espinocelular de cabeça e pescoço

Um estudo publicado na revista Cancers descobriu que os extractos de canábis ricos em CBD (canabidiol) podem matar células cancerosas da...

Internacional2 semanas atrás

Ucrânia: Zelensky assina projecto de lei para legalizar a canábis medicinal

O presidente ucraniano Volodymyr Zelensky assinou um projecto de lei que legaliza a canábis medicinal na Ucrânia, prevendo-se que os...

Nacional3 semanas atrás

Portugal: Associação Mães pela Canábis publica e-book sobre canábis medicinal

A Associação de Mães pela Canábis (AMC) anunciou o lançamento de um e-book intitulado “Fronteiras da Cannabis: CIÊNCIA, TERAPÊUTICA &...

Corporações4 semanas atrás

Akanda assina carta de intenção para vender RPK Biopharma à Somaí. “Será uma das poucas empresas verticais de canábis da UE”, diz Michael Sassano

A Akanda Corporation, uma empresa internacional de canábis medicinal cotada na Nasdaq (AKAN) e que detém a empresa portuguesa Holigen, anunciou...