Connect with us
Publicidade
Publicidade

Cânhamo

EUA: Relatório questiona viabilidade económica do Cânhamo Industrial

Publicado

em

Um relatório publicado no Boletim de Investigação Económica do Departamento de Agricultura dos EUA (USDA), que resume o desenvolvimento do sector industrial de cânhamo, revela falta de optimismo em relação ao futuro. O documento caracteriza o cânhamo como uma “cultura especial” e observa que “é difícil imaginar uma procura por hectares para cultivo de cânhamo industrial que corresponda à procura por hectares para cultivar milho ou soja para alimentação animal ou humana.”

A análise de 77 páginas foi publicada em Fevereiro de 2020 num boletim do USDA intitulado de “Viabilidade Económica do Cânhamo Industrial nos Estados Unidos: Uma Revisão dos Programas Pilotos do Estado”.

Projectos piloto ‘bem-sucedidos’

Apesar de o relatório observar que os programas piloto de cânhamo criados sob o projeto de lei agrícola dos EUA de 2014 foram “bem-sucedidos”, principalmente na recuperação da cultura do cânhamo como uma colheita agrícola viável, o relatório conclui que “alguns desafios apareceram no momento de transição das produções para além daquilo que são os programas piloto.”

“Enquanto o número de hectares plantados e os participantes da indústria de cânhamo industrial dos EUA aumentaram rapidamente nos programas piloto, e neste momento que o cultivo de cânhamo é permitido legalmente em quase todos os estados, as tendências a longo prazo para o cânhamo industrial dos EUA são incertas”, diz o relatório do Serviço de Investigação Económica do USDA.

O relatório admite, no entanto, que “o recente crescimento rápido do sector alternativo de alimentos protéicos vegetais mostra alguma possibilidade de uma cultura de ‘especialidade’ se tornar repentinamente um sector de mercado em crescimento”.

Os desafios

Noutros desafios descritos no relatório, os autores escreveram que a viabilidade económica a longo prazo do cânhamo industrial nos Estados Unidos será afectada por:

• A disponibilidade de dados confiáveis ​​e transparentes, além de pesquisas e informações de mercado revistas por pares;

• Competição pela área cultivada com culturas convencionais e canábis (medicinal ou recreativa);

• Concorrentes estrangeiros bem estabelecidos para os mercados de produtos de cânhamo;

• A capacidade de diminuir a incerteza de produção e preço por meio da transparência e da gestão de riscos.

“Os próximos anos deverão ter uma resolução das questões legais e regulamentares que restringem a produção de cânhamo nos Estados Unidos e serão as importações, a procura do consumidor, a produção doméstica e as exportações que irão ditar o crescimento e o tamanho do mercado a longo prazo”, conclui o relatório.

Pode ler o relatório na íntegra abaixo ou descarregá-lo aqui:

eib-217

_________________________________________________________________
Foto de Destaque: Esteban Lopez on Unsplash

1 Comment
Subscribe
Notify of
1 Comentário
Inline Feedbacks
View all comments

[…] falta de optimismo em relação ao futuro e desenvolvimento do sector industrial de cânhamo, conforme noticiou o Cannareporter na altura. O documento caracterizava o cânhamo como uma “cultura especial” e observava que […]

Publicidade
Publicidade

Veja o Documentário "Pacientes"

Documentário Pacientes Laura Ramos Ajude-nos a crescer

Mais recentes

Internacional15 horas atrás

High Tide e Sanity Group unem forças para a legalização na Alemanha

A High Tide Inc., uma empresa canadiana especializada na distribuição de acessórios para fumadores e produtos ligados ao consumo de...

Internacional20 horas atrás

Suíça iniciou vendas legais de canábis com software de rastreio focado na transparência

Após 6 meses de atraso, a Suíça está pronta a fazer história com a venda legal de canábis no país,...

Internacional20 horas atrás

Argentina cria Agência Regulatória da Indústria do Cânhamo e da Canábis Medicinal

A Argentina deu um passo ousado no sentido de se tornar um actor importante no mercado global da canábis, ao...

Internacional2 dias atrás

Como vão funcionar as associações de canábis em Malta?

A Autoridade para o Uso Responsável de Canábis (ARUC), entidade Maltesa com responsabilidade na regulamentação da indústria legal e recreativa...

Corporações2 dias atrás

Organigram notificada pela Nasdaq por falhar valor mínimo de negociação

A Organigram Holdings Inc. foi notificada pela Nasdaq de que terá até ao próximo mês de Julho para atingir o...

Cânhamo2 dias atrás

EUA: FDA recusa regulamentar CBD devido a preocupações de segurança

A Food and Drug Administration (FDA) rejeitou iniciar o processo de regulamentação do CBD em produtos alimentares, por não considerar...

Internacional3 dias atrás

Hong Kong: Proibição do CBD entra em vigor a 1 de Fevereiro, com multas milionárias e penas de prisão perpétua

Hong Kong vai classificar oficialmente o Canabidiol (CBD) como uma “droga perigosa” já a partir desta quarta-feira, 1 de Fevereiro,  e...

Internacional6 dias atrás

Japão dá passos para legalizar o uso medicinal de canábis

O governo do Japão está a considerar uma revisão da sua Lei de Controlo da Canábis, que permitiria o uso...

Comunicados de Imprensa7 dias atrás

EUA: Curaleaf encerra operações na Califórnia, Colorado e Oregon

A Curaleaf Holdings anunciou hoje em comunicado de Imprensa o encerramento proactivo da maioria das suas operações na Califórnia, Colorado...

Corporações7 dias atrás

Bedrocan expande produção de canábis medicinal para a Dinamarca

O produtor holandês de canábis medicinal Bedrocan vai abrir uma nova instalação na Dinamarca, de forma a responder à procura...