Connect with us
Publicidade
Publicidade

Internacional

Brasil: Rio de Janeiro aprova lei para pesquisa e cultivo de canábis medicinal

Publicado

em

O Rio de Janeiro é o primeiro estado brasileiro a aprovar legislação para o cultivo e pesquisa de canábis para fins medicinais. A nova legislação segue-se às 78 autorizações dos tribunais (Habeas Corpus) para o auto-cultivo por pacientes.

Foi uma votação apertada. Eram necessários 36 votos, mas 41 deputados estatais do Rio de Janeiro aprovaram a primeira lei de apoio à pesquisa e cultivo de canábis medicinal no Brasil. O texto, de autoria de Carlos Minc, garante suporte e orientação a pacientes e familiares que precisam do uso da planta, estimulando sua divulgação e possibilidades aos profissionais de Saúde.

Os políticos, que já haviam aprovado o texto em Março, derrubaram o veto integral do governador do RJ, Wilson Witzel. Entre os parlamentares, muitos eram conservadores ou policiais, mas passaram a apoiar o projecto após conhecer crianças que melhoraram a qualidade de vida com uso da planta.

Carlos Minc, autor do projecto-de-lei. Foto: Divulgação Alerj

“O Rio de Janeiro é o primeiro estado do Brasil que terá uma lei de apoio à pesquisa da canábis medicinal, e vamos ter verba para isso, que também determina o apoio às famílias. Sobretudo crianças e adolescentes que precisam do canabidiol que a Anvisa (agência de saúde brasileira) aprovou o uso, mas tem que ser importado, caríssimo. Então o projeto não é sobre política de drogas, é sobre saúde, pesquisa e assistência social. Nós vamos combater o obscurantismo e o preconceito, apoiar essas famílias que têm que entrar na justiça para o plantio caseiro de canábis”, comemorou Carlos Minc.

Com a queda do veto, a lei entra imediatamente em vigor. Entre as entidades que irão fomentar as pesquisas para o uso medicinal da planta, estão o Instituto Vital Brasil, a Fundação Oswaldo Cruz e a Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Rio de Janeiro (Faperj). Conforme o autor do projeto, a lei é importante, pois a grande maioria dos pacientes não tem condições financeiras de importar o produto ou de o comprar na farmácia, muito menos podem contar com assessoria jurídica para conseguir um Habeas Corpus (HC) ao cultivo caseiro.

Fonte: Rede Jurídica pela Reforma da Política de Drogas

Hoje, no Brasil, são 78 autorizações judiciais para o cultivo individual de canábis com fins exclusivamente medicinais. A última concessão foi para um paciente com cancro no Estado de São Paulo, deferido no Sábado (07 de Junho). Os dados foram apresentados na última sexta-feira (05 de Junho) pelo advogado Emílio Figueiredo, durante uma das sessões da PTMC Talks (Portugal Medical Cannabis). Na imagem, no entanto, ainda não constava o HC de São Paulo. A nova lei aprovada no RJ regulamenta o cultivo para fins medicinais da canábis pelas associações de pacientes. Contudo, apenas em casos autorizados por legislação federal. As associações de pacientes poderão ainda realizar convenções e parcerias com instituições de ensino e pesquisas, objectivando apoio para análise dos medicamentos com a finalidade de garantir a padronização e a segurança para o tratamento dos pacientes.

Fora as 78 autorizações individuais, apenas uma associação de pacientes possui autorização judicial para o plantio de canábis no Brasil, a Abrace Esperança, no estado de Paraíba. A permissão, no entanto, acontece em carácter liminar e aguarda julgamento definitivo pelo Supremo Tribunal Federal (STF). Para a maioria dos brasileiros que necessitam de derivados da planta para tratar as suas doenças, a forma mais comum é a importação, mediante autorização da Anvisa. Também estão disponíveis nas farmácias dois produtos, o Sativex, que custa cerca de 480 euros, e o canabidiol (CBD) da Prati-Donaduzzi, a 375 euros. O preço, contudo, é inacessível para os padrões de vida dos cidadãos brasileiros.
___________________________________________________________
Imagem de Destaque: Orla de Ipanema, Rio de Janeiro. Foto: Pixabay

1 Comment
Subscribe
Notify of
1 Comentário
Inline Feedbacks
View all comments
2 anos atrás

Like!! Great article post.Really thank you! Really Cool.

Publicidade
Publicidade

Veja o Documentário "Pacientes"

Documentário Pacientes Laura Ramos Ajude-nos a crescer

Mais recentes

Internacional14 horas atrás

High Tide e Sanity Group unem forças para a legalização na Alemanha

A High Tide Inc., uma empresa canadiana especializada na distribuição de acessórios para fumadores e produtos ligados ao consumo de...

Internacional19 horas atrás

Suíça iniciou vendas legais de canábis com software de rastreio focado na transparência

Após 6 meses de atraso, a Suíça está pronta a fazer história com a venda legal de canábis no país,...

Internacional19 horas atrás

Argentina cria Agência Regulatória da Indústria do Cânhamo e da Canábis Medicinal

A Argentina deu um passo ousado no sentido de se tornar um actor importante no mercado global da canábis, ao...

Internacional2 dias atrás

Como vão funcionar as associações de canábis em Malta?

A Autoridade para o Uso Responsável de Canábis (ARUC), entidade Maltesa com responsabilidade na regulamentação da indústria legal e recreativa...

Corporações2 dias atrás

Organigram notificada pela Nasdaq por falhar valor mínimo de negociação

A Organigram Holdings Inc. foi notificada pela Nasdaq de que terá até ao próximo mês de Julho para atingir o...

Cânhamo2 dias atrás

EUA: FDA recusa regulamentar CBD devido a preocupações de segurança

A Food and Drug Administration (FDA) rejeitou iniciar o processo de regulamentação do CBD em produtos alimentares, por não considerar...

Internacional3 dias atrás

Hong Kong: Proibição do CBD entra em vigor a 1 de Fevereiro, com multas milionárias e penas de prisão perpétua

Hong Kong vai classificar oficialmente o Canabidiol (CBD) como uma “droga perigosa” já a partir desta quarta-feira, 1 de Fevereiro,  e...

Internacional6 dias atrás

Japão dá passos para legalizar o uso medicinal de canábis

O governo do Japão está a considerar uma revisão da sua Lei de Controlo da Canábis, que permitiria o uso...

Comunicados de Imprensa7 dias atrás

EUA: Curaleaf encerra operações na Califórnia, Colorado e Oregon

A Curaleaf Holdings anunciou hoje em comunicado de Imprensa o encerramento proactivo da maioria das suas operações na Califórnia, Colorado...

Corporações7 dias atrás

Bedrocan expande produção de canábis medicinal para a Dinamarca

O produtor holandês de canábis medicinal Bedrocan vai abrir uma nova instalação na Dinamarca, de forma a responder à procura...