Connect with us
Publicidade
Publicidade

Internacional

São Francisco proíbe fumar em prédios de três ou mais andares, excepto se for canábis

Publicado

em

Foto: D.R.

Os residentes de São Francisco que vivam em prédios de apartamentos com três ou mais andares vão deixar de ter permissão para fumar tabaco dentro dos seus apartamentos, mas podem fumar canábis, de acordo com uma nova portaria, aprovada pelo Conselho de Supervisores na terça-feira.

A portaria – que também proíbe os cigarros electrónicos – visa proteger os moradores do fumo passivo. A tentativa de proibir o fumo de canábis em ambientes fechados enfureceu os activistas, que alegaram que esta lei retiraria o seu único lugar constitucionalmente legal para fumar. Segundo a lei do Estado da Califórnia, fumar canábis em locais públicos é ilegal. “Ao contrário dos fumadores de tabaco, que podem sair dos seus lares e consumir tabaco noutras áreas onde seja permitido, os utilizadores de canábis não têm essa alternativa legal”, disse o supervisor Rafael Mandelman, que redigiu uma emenda para isentar a canábis da proibição.

Os consumidores de canábis apenas estão autorizados a fumar em casa, pelo que esta medida os exclui da proibição. | Foto – Robert McGowan, Unsplash

O Conselho de Supervisores da cidade de São Francisco votou 10-1, com o voto contra do Supervisor Dean Preston, e São Francisco é agora a maior cidade do país a proibir o fumo em prédios de apartamentos. “Não deve ser necessário ter de viver numa casa com uma única família para respirar ar puro”, disse o Presidente Norman Yee, que está de saída do cargo, mas que escreveu a portaria. “Esse direito deve existir para cada pessoa e família, independentemente de onde morem ou qual seja a sua renda.”

A proposta original procurava proibir os residentes de fumar canábis nos seus apartamentos, com os oito supervisores a votarem  a favor da proposta e três (Norman Yee, Gordon Mar e Ahsha Safaí) contra a remoção da canábis do decreto. O projecto de decreto elaborado pelo Supervisor Norman Yee levaria as leis existentes mais longe e proibiria todos os residentes – excepto aqueles com cartões de canábis medicinal – de fumar em prédios com três andares ou mais, incluindo prédios de apartamentos privados, prédios de renda acessível e condomínios.

A portaria deverá agora passar por uma segunda votação do conselho na próxima semana, considerada apenas uma formalidade. Desta forma, deve ser assinada pelo presidente e entrará em vigor 30 dias depois.

São Francisco junta-se assim a 63 cidades da Califórnia – incluindo Alameda, Berkeley, Santa Clara e Santa Rosa – e condados que efectivaram essa proibição.

____________________________________________________________

 

 

Publicidade
Publicidade

Veja o Documentário "Pacientes"

Documentário Pacientes Laura Ramos Ajude-nos a crescer

Mais recentes

Internacional7 horas atrás

Como vão funcionar as associações de canábis em Malta?

A Autoridade para o Uso Responsável de Canábis (ARUC), entidade Maltesa com responsabilidade na regulamentação da indústria legal e recreativa...

Corporações7 horas atrás

Organigram notificada pela Nasdaq por falhar valor mínimo de negociação

A Organigram Holdings Inc. foi notificada pela Nasdaq de que terá até ao próximo mês de Julho para atingir o...

Cânhamo1 dia atrás

EUA: FDA recusa regulamentar CBD devido a preocupações de segurança

A Food and Drug Administration (FDA) rejeitou iniciar o processo de regulamentação do CBD em produtos alimentares, por não considerar...

Internacional1 dia atrás

Hong Kong: Proibição do CBD entra em vigor a 1 de Fevereiro, com multas milionárias e penas de prisão perpétua

Hong Kong vai classificar oficialmente o Canabidiol (CBD) como uma “droga perigosa” já a partir desta quarta-feira, 1 de Fevereiro,  e...

Internacional4 dias atrás

Japão dá passos para legalizar o uso medicinal de canábis

O governo do Japão está a considerar uma revisão da sua Lei de Controlo da Canábis, que permitiria o uso...

Comunicados de Imprensa5 dias atrás

EUA: Curaleaf encerra operações na Califórnia, Colorado e Oregon

A Curaleaf Holdings anunciou hoje em comunicado de Imprensa o encerramento proactivo da maioria das suas operações na Califórnia, Colorado...

Corporações5 dias atrás

Bedrocan expande produção de canábis medicinal para a Dinamarca

O produtor holandês de canábis medicinal Bedrocan vai abrir uma nova instalação na Dinamarca, de forma a responder à procura...

Internacional5 dias atrás

Malta: Registo para obter licenças de canábis inicia a 28 de Fevereiro

Já passou quase um ano desde que Malta aprovou a legislação para regulamentar o uso adulto da canábis, permitindo a posse...

Internacional6 dias atrás

França dá um passo em frente na legalização da canábis

O Conselho Económico, Social e Ambiental (Cese) de França propôs uma “legalização supervisionada” da canábis, num esforço para “ser orientado...

Comunicados de Imprensa6 dias atrás

Suíça: Linnea obtém licença para produção e exportação de API’s com alto teor de THC

A Linnea SA obteve a licença de narcóticos da Swissmedic, a equivalente suíça ao Infarmed I.P., tornando-a numa das primeiras...