Connect with us
Publicidade
Publicidade

internacional

EUA: Instituto Nacional do Cancro realiza simpósio sobre canábis medicinal

Publicado

em

Foto D.R. | NCI

Depois da descriminalização federal da canábis ter sido aprovada pela Câmara dos Representantes no início deste mês, o Instituto Nacional de Cancro dos Estados Unidos da América (EUA) anunciou que irá realizar uma conferência sobre a investigação relativa à utilização da canábis como tratamento terapêutico do cancro. O evento acontece de 15 a 18 de Dezembro e envolve também a Food and Drug Administration (FDA).

O evento, que versa sobre a temática do cancro e canábis, arrancou hoje e é organizado pelo National Cancer Institute (NCI), uma agência federal de saúde cuja área de acção é a Oncologia. O “Simpósio do Instituto Nacional do Cancro, Canábis, Canabinóides e Pesquisa no Cancro” decorre online de 15 a 18 de dezembro.

De acordo com o site do NCI, “este workshop irá destacar o estado da ciência na canábis, os seus constituintes químicos (por exemplo, canabinóides) e pesquisa do cancro, incluindo epidemiologia do cancro, uso em pacientes com cancro, biologia e prevenção do cancro, sintomatologia pré-clínica e clínica do cancro e gestão dos efeitos colaterais de tratamento, bem como o uso de canábis e canabinóides como terapêutica do cancro.”

Entre os tópicos agendados para as discussões do painel estão as “potenciais implicações clínicas dos esforços de legalização da canábis, riscos e benefícios do uso de canábis para pacientes com cancro, a função do sistema endocanabinóide no que diz respeito à dor relacionada com o cancro e como a canábis afecta o apetite, náuseas, vómitos e dor neuropática em pacientes.”

Além disso, o workshop também abordará “as barreiras actuais à pesquisa e estratégias para superar esses obstáculos, para garantir a viabilidade de estudos rigorosos projectados para abordar lacunas no conhecimento, bem como o potencial de oportunidades de investigação na área do cancro e da canábis.”

Os oradores convidados incluem investigadores académicos internacionalmente reconhecidos e especialistas em regulamentação do National Institute Health (NIH) e da FDA.

Este é o último de uma série de eventos sobre canábis nos quais a FDA participou. Em janeiro, a FDA aprovou um spray nasal de cocaína e concedeu a aprovação antecipada, embora limitada, do MDMA como medicamento. Em Abril, a agência reconheceu que não existe nenhuma evidência para vincular a vaporização aos riscos do coronavírus. Em Agosto, a FDA anunciou que contrataria milhares de pessoas para testar produtos de canábis. Finalmente, em Novembro, o Escritório de Saúde da Mulher da FDA realizou um simpósio público sobre CBD e género.

Comité de Planeamento do Instituto Nacional do Cancro:

  • Samantha Ammons, M.P.H., Programa de Pesquisa em Epidemiologia e Genómica (EGRP), Divisão de Controle do Cancro e Ciências da População (DCCPS)
  • Alexis Bakos, Ph.D., M.P.H., R.N. , Grupo de Investigação dos Ensaios Comunitários de Oncologia e Prevenção, Divisão de Prevenção do Cancro (DCP)
  • Gary L. Ellison, Ph.D., M.P.H., EGRP, DCCPS
  • Andrew N. Freedman, Ph.D., EGRP, DCCPS
  • Rachel Grana Mayne, Ph.D., M.P.H., Programa de Pesquisa Comportamental, DCCPS
  • Ron Johnson, Ph.D., Divisão do DNA e dos Cromossomas Aberrantes, Divisão de Biologia do Cancro
  • Sharon Ross, Ph.D., M.P.H., Grupo de Investigação em Ciências Nutricionais, DCP
  • Alejandro Salicrup, Ph.D., Divisão de Saúde Pública, Redes e Investigação, Centro para a Saúde Global e Gabinete de Medicinas Complementares e Alternativas para o Cancro, Divisão de Tratamento e Diagnóstico de Cancro, DCTD
  • Jeffrey White, M.D., Gabinete de Medicinas Complementares e Alternativas para o Cancro, DCTD

O programa oficial do evento pode ser consultado aqui.

Publicidade

Mais recentes

internacional1 dia atrás

Zimbabwe: Presidente pede 27 milhões de canábis medicinal à Swiss Biocieuticals

O Presidente do Zimbabwe, Emmerson Mnangagwa, comissionou a empresa de canábis medicinal Swiss Biocieuticals a produzir cerca de 27 milhões de...

Opinião5 dias atrás

A canábis pode ajudar a estudar?

No mundo contemporâneo, entrar na Universidade tornou-se sinónimo de “futuro”, ao mesmo tempo que também se podem viver as primeiras experiências...

internacional1 semana atrás

Tailândia: Ministro da Saúde quer oferecer um milhão de plantas de canábis à população

O Ministro da Saúde Pública da Tailândia, Anutin Charnvirakul, surpreendeu, mais uma vez, o mundo, ao anunciar que quer oferecer...

Opinião1 semana atrás

O papel da Enfermagem no cuidado ao paciente submetido a tratamento com canabinóides

Hoje, dia 12 de Maio, assinala-se o Dia Mundial do Enfermeiro. De acordo com o código ético e deontológico de...

Opinião1 semana atrás

Legalização da canábis em Nova York: Equidade social e económica no licenciamento e extinção de condenaçãoCannabis Legalization in New York: Social & Economic Equity Licensing and Conviction Expungement

A aplicação draconiana anti-canábis, perseguida ao longo dos anos nos Estados Unidos, é uma das coisas mais insanas que uma...

Dá-me música!2 semanas atrás

Playlist da Canábis: #2 – Peter Tosh – “Legalize it”

A pedido dos leitores – porque também vos ouvimos – a seguinte entrada na nossa playlist é o hino pró-legalização...

Eventos2 semanas atrás

PTMC – Portugal Medical Cannabis regressa em 2022 a Lisboa e à Madeira

A PTMC – Portugal Medical Cannabis está de volta! Lisboa – 16 e 17 de Junho – Auditório dos Contabilistas...

internacional2 semanas atrás

Alemanha: Ministro da Saúde vai avançar com a legalização do uso adulto de canábis

O Ministro da Saúde alemão, Karl Lauterbach, anunciou ontem novas medidas sobre a assistência médica na Alemanha, onde incluiu a...

Entrevistas2 semanas atrás

Tej Virk tem uma mensagem para o Governo Português: “Legalizem antes da Alemanha!”

Tej Virk, CEO da Akanda Corporation, que recentemente adquiriu a portuguesa Holigen por 26 milhões de euros, ganhou reputação no espaço global...

internacional3 semanas atrás

Depois da Itália, Curaleaf obtém licença para medicamentos à base de extractos de canábis em Malta

A Curaleaf International obteve licença para uma linha de medicamentos à base de extractos de canábis em Malta. A gama de...

Publicidade