Connect with us
Publicidade
Publicidade

Cânhamo

EUA: Departamento de Justiça financia testes de THC para cânhamo

Publicado

em

Foto: D.R. | NBCNews

A Divisão de Investigação do Departamento de Justiça dos EUA (DOJ) concedeu 350 mil dólares a um laboratório federal para desenvolver um método fiável de medição dos níveis de THC, para distinguir o cânhamo industrial da canábis para outros fins.

Com a aprovação do Farm Bill em 2018, os laboratórios forenses foram obrigados a diferenciar as amostras apreendidas de canábis como cânhamo legal ou canábis ilegal. No entanto, a maioria dos laboratórios forenses carece ainda de protocolos de extracção confiáveis ​​e métodos analíticos para essa finalidade. “O objetivo deste projecto é fornecer aos laboratórios forenses as ferramentas analíticas necessárias para fazer essas medições com segurança, por meio de métodos analíticos simples, robustos e económicos”, escreveu o Instituto Nacional de Justiça do DOJ, num aviso de concessão publicado na semana passada.

O beneficiário da bolsa de 350 mil dólares é o Instituto Nacional de Padrões e Tecnologia (NIST), um laboratório federal do Departamento de Comércio dos EUA. De acordo com o anúncio, o NIST irá concentrar-se no desenvolvimento de métodos de diluição, protocolos de extracção, avaliação de ferramentas de medição e um único estudo de validação de laboratório.

Após a conclusão da investigação e do desenvolvimento de métodos de teste, a proposta irá debruçar-se também na transferência de tecnologia do NIST para os laboratórios forenses federais, estaduais e locais, através de procedimentos operacionais padrão, módulos de estágio, webinars e publicações científicas. Para ajudar a facilitar a transferência, o NIST vai colaborar com os laboratórios criminais do Departamento de Polícia do Condado de Montgomery (MCPD) e com a Polícia do Estado de Maryland (MSP). Esta colaboração permitiu a transferência de 125 amostras de canábis apreendidas para investigação em termos da validação dos métodos de teste. O NIST usará a colaboração com a MSP para permitir uma avaliação crítica dos novos métodos analíticos, de modo a garantir a sua aplicabilidade, para atender às necessidades do laboratório forense.

A Farm Bill foi aprovada em 2018 e permitiu o cultivo de cânhamo industrial nos Estados Unidos da América, fornecendo um limite de 0,3% de THC para toda a planta.

Publicidade

Mais recentes

internacional1 dia atrás

Zimbabwe: Presidente pede 27 milhões de canábis medicinal à Swiss Biocieuticals

O Presidente do Zimbabwe, Emmerson Mnangagwa, comissionou a empresa de canábis medicinal Swiss Biocieuticals a produzir cerca de 27 milhões de...

Opinião5 dias atrás

A canábis pode ajudar a estudar?

No mundo contemporâneo, entrar na Universidade tornou-se sinónimo de “futuro”, ao mesmo tempo que também se podem viver as primeiras experiências...

internacional1 semana atrás

Tailândia: Ministro da Saúde quer oferecer um milhão de plantas de canábis à população

O Ministro da Saúde Pública da Tailândia, Anutin Charnvirakul, surpreendeu, mais uma vez, o mundo, ao anunciar que quer oferecer...

Opinião1 semana atrás

O papel da Enfermagem no cuidado ao paciente submetido a tratamento com canabinóides

Hoje, dia 12 de Maio, assinala-se o Dia Mundial do Enfermeiro. De acordo com o código ético e deontológico de...

Opinião1 semana atrás

Legalização da canábis em Nova York: Equidade social e económica no licenciamento e extinção de condenaçãoCannabis Legalization in New York: Social & Economic Equity Licensing and Conviction Expungement

A aplicação draconiana anti-canábis, perseguida ao longo dos anos nos Estados Unidos, é uma das coisas mais insanas que uma...

Dá-me música!2 semanas atrás

Playlist da Canábis: #2 – Peter Tosh – “Legalize it”

A pedido dos leitores – porque também vos ouvimos – a seguinte entrada na nossa playlist é o hino pró-legalização...

Eventos2 semanas atrás

PTMC – Portugal Medical Cannabis regressa em 2022 a Lisboa e à Madeira

A PTMC – Portugal Medical Cannabis está de volta! Lisboa – 16 e 17 de Junho – Auditório dos Contabilistas...

internacional2 semanas atrás

Alemanha: Ministro da Saúde vai avançar com a legalização do uso adulto de canábis

O Ministro da Saúde alemão, Karl Lauterbach, anunciou ontem novas medidas sobre a assistência médica na Alemanha, onde incluiu a...

Entrevistas2 semanas atrás

Tej Virk tem uma mensagem para o Governo Português: “Legalizem antes da Alemanha!”

Tej Virk, CEO da Akanda Corporation, que recentemente adquiriu a portuguesa Holigen por 26 milhões de euros, ganhou reputação no espaço global...

internacional3 semanas atrás

Depois da Itália, Curaleaf obtém licença para medicamentos à base de extractos de canábis em Malta

A Curaleaf International obteve licença para uma linha de medicamentos à base de extractos de canábis em Malta. A gama de...

Publicidade