Connect with us

Cânhamo

Indústria do cânhamo mostrou sinais de crescimento em 2020, apesar das contingências

Publicado

em

Ouvir este artigo
Foto: D.R. | Cannareporter

A New Frontier Data fez uma revisão do sector do cânhamo nos Estados Unidos da América e demonstra que apesar das interrupções e da pandemia, o ano de 2020 foi marcante para a crescente indústria do cânhamo.

Numa revisão publicada a 17 de Dezembro, intitulada “O mercado do cânhamo em 2020“, foram analisados vários temas de relevância para a indústria, desde o comportamento do consumidor ao rendimento e flutuações de preço das produções de cânhamo.

O crescimento explosivo da indústria da canábis gerou algum burburinho a nível internacional, com mais de 90 por cento dos americanos a já ter ouvido falar de CBD (canabidiol). À medida que os consumidores se tornam cada vez mais familiarizados com os derivados do cânhamo, as marcas nacionais de bens de consumo aguardam pela oportunidade de lançar ou adquirir as suas próprias marcas em 2021.

Na Europa e na América Latina, a prevalência de CBD foi estimulada por preços baixos, causados ​​pelo grande excesso de oferta de material de cânhamo cultivado em 2020. Uma vez que entre 40% -60% das colheitas de 2019 não foram vendidas, o excesso de biomassa reduziu os preços de forma acentuada.

Regulamentação confusa dificulta maiores avanços do sector

Apesar da popularidade do cânhamo entre os consumidores, o fracasso das agências governamentais em criar regulamentos claros e sensatos para os produtos de cânhamo sufocou o crescimento da indústria. No final do ano, os turbilhões em torno da legislação, os regulamentos propostos e a regra final provisória da USDA criaram um ambiente volátil, tornando o planeamento de negócios virtualmente impossível e ameaçando a viabilidade económica de muitos processadores de cânhamo. Ainda assim, muitas empresas têm esperanças redobradas para o ano vindouro, principalmente de uma decisão positiva da Federal Drugs Administration (FDA), que sob a administração de Biden poderá estimular um novo ciclo de expansão.

As aplicações de cânhamo não-CBD também cresceram em 2020. As importações americanas de sementes de cânhamo devem atingir níveis recordes este ano, na ordem dos 97,7 milhões de dólares, já que a mudança no comportamento do consumidor impulsionou o crescimento dos alimentos saudáveis.

A fibra de cânhamo – e suas aplicações industriais correspondentes – teve dificuldade para descolar devido à inesperada crise de capital deixada pela pandemia da COVID-19. No entanto, a indústria de fibra de cânhamo estabeleceu uma base para o crescimento futuro, já que algumas das primeiras verdadeiras instalações de descorticação dos EUA foram inauguradas com a expectativa de iniciar as operações em 2021.

À medida que 2020 chega ao fim, o cânhamo continua a ser uma indústria com potencial positivo nas economias atingidas pela pandemia global.

Há razões para estar optimista face ao futuro: o crescimento na demanda do consumidor por CBD não mostra sinais de parar, o aumento da procura por proteínas vegetais está a impulsionar o mercado da semente e as propostas de acção climática do governo Biden podem catalisar as aplicações industriais do cânhamo. Ainda assim, as lições de 2020 servem para lembrar que as contingências do sector nem sempre podem ser planeadas e os operadores do cânhamo devem construir negócios que consigam lidar com as incertezas e adaptar-se rapidamente a um cenário de negócios em rápida mutação.

Imagem representativa do sector dos EUA relativamente ao mercado do cânhamo, publicado pela New Frontier Data

 

____________________________________________________________________________________________________

[Aviso: Por favor, tenha em atenção que este texto foi originalmente escrito em Português e é traduzido para inglês e outros idiomas através de um tradutor automático. Algumas palavras podem diferir do original e podem verificar-se gralhas ou erros noutras línguas.]

____________________________________________________________________________________________________

O que fazes com 3€ por mês? Torna-te um dos nossos Patronos! Se acreditas que o Jornalismo independente sobre canábis é necessário, subscreve um dos níveis da nossa conta no Patreon e terás acesso a brindes únicos e conteúdos exclusivos. Se formos muitos, com pouco fazemos a diferença!

Sou um dos directores do CannaReporter, que fundei em conjunto com a Laura Ramos. Sou natural da inigualável Ilha da Madeira, onde resido actualmente. Enquanto estive em Lisboa na FCUL a estudar Engenharia Física, envolvi-me no panorama nacional do cânhamo e canábis tendo participado em várias associações, algumas das quais, ainda integro. Acompanho a industria mundial e sobretudo os avanços legislativos relativos às diversas utilizações da canábis.

Posso ser contactado pelo email joao.costa@cannareporter.eu

Clique aqui para comentar
Subscribe
Notify of

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Publicidade


Veja o Documentário "Pacientes"

Documentário Pacientes Laura Ramos Ajude-nos a crescer

Mais recentes

Cânhamo3 dias atrás

Portugal: Estudo revela disparidades alarmantes na rotulagem do CBD, que continua proibido no país

Um estudo recente sobre os produtos de CBD em Portugal revela disparidades alarmantes entre o conteúdo de canabinóides anunciado e...

Internacional3 dias atrás

Espanha: Câmara de Barcelona encerra dezenas de clubes de canábis

A Câmara Municipal de Barcelona deu início a uma forte repressão contra os clubes de canábis da cidade, ordenando o...

Internacional5 dias atrás

Alemanha aprova o primeiro clube social de canábis após a legalização

A Ministra da Agricultura da Baixa Saxónia, Miriam Staudte, anunciou esta segunda-feira que o seu gabinete autorizou o primeiro clube...

Cânhamo7 dias atrás

Tailândia cada vez mais perto de reclassificar a canábis e o cânhamo como substâncias controladas

A Tailândia deu mais um passo decisivo no sentido de voltar a proibir a canábis no país. Na passada sexta-feira,...

Internacional2 semanas atrás

Observatório Europeu da Droga e da Toxicodependência (OEDT) passa a ser Agência da União Europeia das Drogas (EUDA)

A 2 de Julho de 2024 o Observatório Europeu da Droga e da Toxicodependência (EMCDDA) passará a ser a Agência...

Eventos2 semanas atrás

ICRS – International Cannabinoid Research Society reúne médicos e investigadores em Salamanca para o 34º Simpósio sobre Canabinoides

Se pensa que a investigação com canábis é algo recente e que inda não há estudos suficientes… pense outra vez! É...

Crónica3 semanas atrás

Terroir 101 – Uma Introdução

Este artigo inicia uma série sobre temas necessários para os que acreditam que esta planta merece ser reverenciada e elevada...

Eventos3 semanas atrás

Editora do CannaReporter®, Laura Ramos, nomeada “Jornalista do Ano” nos prémios Business of Cannabis

A indústria da canábis está prestes a reunir-se em Londres para dois dias de Cannabis Europa e uma noite de...

Comunicados de Imprensa4 semanas atrás

Cannabis Europa recebe líderes europeus e norte-americanos em Londres para capitalizar o mercado europeu da canábis

A indústria norte-americana de canábis está a criar um movimento significativo através do Atlântico, à medida que os líderes deste...

Internacional4 semanas atrás

Polícia alemã esclarece que não sugeriu consumo de canábis (em vez de álcool) aos adeptos ingleses do Euro 2024

A polícia de Gelsenkirchen, na Alemanha, foi citada numa notícia onde afirmou que as atenções estariam mais centradas nos adeptos...