Connect with us

Corporações

AppStore já permite venda de canábis através de aplicações

Publicado

em

Ouvir este artigo

A Apple levantou as restrições de alojamento na AppStore para as aplicações de entrega de canábis, a partir de Junho de 2021, noticiou o Marijuana Moment. O recente passo da gigante tecnológica, que passou despercebido na comunidade, aconteceu por meio da actualização das directrizes da empresa para a revisão de aplicações.

A Apple lançou no dia 7 de Junho uma nova versão das suas directrizes de revisão  para as aplicações submetidas na App Store, num extenso documento que dita as regras que as aplicações devem cumprir para serem aprovadas pela Apple. O TechCrunch relatou as novas directrizes, e a WeedWeek sinalizou, posteriormente, a orientação específica para a canábis.

As políticas de verificação das aplicações móveis da AppStore passarão a permitir aplicações que forneçam serviços relacionados com a canábis, como entregas ao domicílio. Sob as novas políticas, a Apple criou uma margem de manobra para que “dispensários de canábis licenciados e legais” trabalhem com a Apple, mas as empresas terão restrições geográficas aos locais onde a canábis já é legal. Nesse sentido, as aplicações devem ser submetidas pela entidade legal que fornece os serviços e não por um programador individual.

O que muda?

Anteriormente, as regras da AppStore diziam que as “aplicações que incentivam o consumo de produtos de tabaco e vapor, drogas ilegais ou quantidades excessivas de álcool não são permitidos na App Store. Aplicações que incentivam menores a consumir qualquer uma dessas substâncias serão rejeitados. Facilitar a venda de substâncias controladas (excepto para farmácias licenciadas), canábis ou tabaco não é permitido.”

Nas novas regras pode agora ler-se:

“Aplicações que incentivam o consumo de produtos de tabaco e vapor, drogas ilegais ou quantidades excessivas de álcool não são permitidos na App Store. Aplicações que incentivam menores a consumir qualquer uma dessas substâncias serão rejeitados. Facilitar a venda de substâncias controladas (excepto para farmácias licenciadas e dispensários de canábis licenciados ou legais), ou tabaco não é permitido.”

Android e Google Play continuam a proibir
Em contraste, o hub de aplicações Android do Google actualizou sua política em 2019 para proibir explicitamente os programas ou aplicações que conectam utilizadores com canábis, independentemente de ser legal ou não no Estado onde vivem.

Nas regras do Google pode ler-se que “não permitimos aplicações que facilitem a venda de canábis ou produtos de canábis, independentemente da sua legalidade”, acrescentando que alguns exemplos de violações seriam “permitir que os consumidores peçam canábis através de um recurso de carrinho de compras na aplicação” ou “ auxiliar os utilizadores a providenciar a entrega ou recolha de canábis ”. Pode ler-se ainda que “facilitar a venda de produtos contendo THC (Tetrahidrocanabinol), incluindo produtos como óleos de CBD contendo THC” é contra as suas políticas.

 

____________________________________________________________________________________________________

[Aviso: Por favor, tenha em atenção que este texto foi originalmente escrito em Português e é traduzido para inglês e outros idiomas através de um tradutor automático. Algumas palavras podem diferir do original e podem verificar-se gralhas ou erros noutras línguas.]

____________________________________________________________________________________________________

O que fazes com 3€ por mês? Torna-te um dos nossos Patronos! Se acreditas que o Jornalismo independente sobre canábis é necessário, subscreve um dos níveis da nossa conta no Patreon e terás acesso a brindes únicos e conteúdos exclusivos. Se formos muitos, com pouco fazemos a diferença!

Sou um dos directores do CannaReporter, que fundei em conjunto com a Laura Ramos. Sou natural da inigualável Ilha da Madeira, onde resido actualmente. Enquanto estive em Lisboa na FCUL a estudar Engenharia Física, envolvi-me no panorama nacional do cânhamo e canábis tendo participado em várias associações, algumas das quais, ainda integro. Acompanho a industria mundial e sobretudo os avanços legislativos relativos às diversas utilizações da canábis.

Posso ser contactado pelo email joao.costa@cannareporter.eu

Clique aqui para comentar
Subscribe
Notify of

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Publicidade


Veja o Documentário "Pacientes"

Documentário Pacientes Laura Ramos Ajude-nos a crescer

Mais recentes

Cânhamo3 dias atrás

Portugal: Estudo revela disparidades alarmantes na rotulagem do CBD, que continua proibido no país

Um estudo recente sobre os produtos de CBD em Portugal revela disparidades alarmantes entre o conteúdo de canabinóides anunciado e...

Internacional3 dias atrás

Espanha: Câmara de Barcelona encerra dezenas de clubes de canábis

A Câmara Municipal de Barcelona deu início a uma forte repressão contra os clubes de canábis da cidade, ordenando o...

Internacional5 dias atrás

Alemanha aprova o primeiro clube social de canábis após a legalização

A Ministra da Agricultura da Baixa Saxónia, Miriam Staudte, anunciou esta segunda-feira que o seu gabinete autorizou o primeiro clube...

Cânhamo7 dias atrás

Tailândia cada vez mais perto de reclassificar a canábis e o cânhamo como substâncias controladas

A Tailândia deu mais um passo decisivo no sentido de voltar a proibir a canábis no país. Na passada sexta-feira,...

Internacional2 semanas atrás

Observatório Europeu da Droga e da Toxicodependência (OEDT) passa a ser Agência da União Europeia das Drogas (EUDA)

A 2 de Julho de 2024 o Observatório Europeu da Droga e da Toxicodependência (EMCDDA) passará a ser a Agência...

Eventos2 semanas atrás

ICRS – International Cannabinoid Research Society reúne médicos e investigadores em Salamanca para o 34º Simpósio sobre Canabinoides

Se pensa que a investigação com canábis é algo recente e que inda não há estudos suficientes… pense outra vez! É...

Crónica3 semanas atrás

Terroir 101 – Uma Introdução

Este artigo inicia uma série sobre temas necessários para os que acreditam que esta planta merece ser reverenciada e elevada...

Eventos3 semanas atrás

Editora do CannaReporter®, Laura Ramos, nomeada “Jornalista do Ano” nos prémios Business of Cannabis

A indústria da canábis está prestes a reunir-se em Londres para dois dias de Cannabis Europa e uma noite de...

Comunicados de Imprensa4 semanas atrás

Cannabis Europa recebe líderes europeus e norte-americanos em Londres para capitalizar o mercado europeu da canábis

A indústria norte-americana de canábis está a criar um movimento significativo através do Atlântico, à medida que os líderes deste...

Internacional4 semanas atrás

Polícia alemã esclarece que não sugeriu consumo de canábis (em vez de álcool) aos adeptos ingleses do Euro 2024

A polícia de Gelsenkirchen, na Alemanha, foi citada numa notícia onde afirmou que as atenções estariam mais centradas nos adeptos...