Connect with us

Internacional

Brasil: Anvisa suspende lote de Sativex por teor insuficiente de CBD e THC

Publicado

em

Ouvir este artigo

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa, equivalente ao Infarmed em Portugal) suspendeu a distribuição e venda de um lote do spray Mevatyl (Sativex na Europa), primeiro e único derivado de canábis registado pela Anvisa e vendido desde 2017 nas farmácias brasileiras. A medida foi motivada por um parecer técnico, que apresentou resultados insatisfatórios no teor de CBD e de THC em relação ao indicado na embalagem.

Este artigo foi originalmente publicado na Revista Online Cannabis & Saúde.

O Mevatyl é indicado para o controle dos espasmos da esclerose múltipla e custa R$ 2,8 mil a caixa com 30 ml (cerca de 457 euros). Trata-se do primeiro produto à base de canábis aprovado pela FDA (análogo da Anvisa nos EUA) e, fora do Brasil, é vendido com o nome comercial de Sativex, fazendo alusão à “sativa”. É produzido pela gigante GW Pharmaceuticals, do Reino Unido.

A interdição foi publicada no Diário Oficial da União, conforme noticiou o jornal O Globo. Segundo a Anvisa, a medida foi motivada por um documento de análise para fiscalização que apresentou resultados insatisfatórios no teor de canabidiol e de THC em relação ao indicado na embalagem. O produto é apresentado com 25 mg/ml de CBD e 27 mg/ml de THC.

Agora, o documento seguirá para análise de contraprova e a empresa tem o direito de defesa, apresentando um perito indicado por ela. Enquanto durar a interdição cautelar, o lote não pode ser comercializado ou distribuído.

Se o produto for reprovado de novo durante a investigação, serão proibidos a distribuição, o comércio e o uso e a Anvisa vai determinar o recolhimento. Se o remédio passar na contraprova, será feita uma terceira análise para decisão final. A investigação deve ser concluída num prazo máximo de 90 dias. A empresa não se manifestou.

Além do Mevatyl, a Anvisa também aprovou a venda em farmácias do canabidiol da farmacêutica paranaense Prati-Donaduzzi. Porém, o CBD brasileiro possui apenas uma autorização sanitária válida por 5 anos, e não um registo de medicamento no órgão. Os óleos e demais produtos adquiridos via importação também não são registados pela agência.

*******************************************************************************
Apoie o Cannareporter e o jornalismo independente! Se considera importante o acesso a informação especializada em canábis ou cânhamo em Portugal e no resto do mundo, considere ser um dos nossos patronos. Pode contribuir com a partir de apenas 3€ / mês ou investir em publicidade no nosso site, dando visibilidade à sua marca em mais de 30 países. Veja as contrapartidas em www.patreon.com/cannareporter ou peça mais informações através do e-mail publicidade@cannareporter.eu. Obrigado!

Publicidade


Veja o Documentário "Pacientes"

Documentário Pacientes Laura Ramos Ajude-nos a crescer

Mais recentes

Internacional13 horas atrás

Conselho de Pacientes do IACM participa pela primeira vez na Comissão de Estupefacientes da ONU

O Conselho de Pacientes da IACM — International Association for Cannabinoid Medicines — vai marcar presença, pela primeira vez, na próxima...

Opinião1 dia atrás

O principal erro da legalização na Alemanha

A primavera alemã vai chegar com novas flores. A Alemanha é o terceiro país da União Europeia a legalizar totalmente a...

Eventos2 dias atrás

Spannabis volta a acolher ICBC Barcelona de 14 a 17 de Março

A International Cannabis Business Conference (ICBC) vai abrir mais uma edição da Spannabis, no próximo dia 14 de Março, com o intuito...

Comunicados de Imprensa3 dias atrás

Porto, Matosinhos, Valongo e Paredes – Oito detidos por tráfico e apreendidas mais de 8000 doses de estupefacientes

O Comando Territorial do Porto, através do Núcleo de Investigação Criminal (NIC) de Santo Tirso, entre os dias 20 e...

Nacional4 dias atrás

Portugal: GNR apreende 3 toneladas de haxixe no Rio Guadiana

A Unidade de Controlo Costeiro e de Fronteiras (UCCF) da Guarda Nacional Republicana (GNR) apreendeu na passada sexta-feira, dia 23...

Eventos4 dias atrás

Spannabis 2024: Barcelona acolhe a 20ª edição da maior exposição de canábis do mundo, de 15 a 17 de Março

Barcelona prepara-se para acolher a 20.ª edição da Spannabis, a maior feira de canábis do mundo, nos próximos dias 15,...

Internacional1 semana atrás

Alemanha: Bundestag votou hoje a favor da legalização da canábis, mas ainda é necessária a aprovação do Conselho Federal

O Bundestag debateu e votou esta tarde o projecto da legalização do uso pessoal de canábis no país, com 407...

Internacional1 semana atrás

Alemanha: Legalização vai ser discutida esta sexta-feira, dia 23

O Bundestag da Alemanha vai finalmente deliberar sobre a legalização da canábis para consumo pessoal no país. O debate, que tem sido...

Cânhamo1 semana atrás

Cultivo de Cânhamo nos Açores vai ter sessão de esclarecimento na Ilha Terceira

A Confraria Internacional Cannabis Portugal e a CannAzores unem esforços para promover uma Sessão de Esclarecimento sobre o Cultivo de...

Saúde2 semanas atrás

CBD e CBC mostram resultados promissores no carcinoma espinocelular de cabeça e pescoço

Um estudo publicado na revista Cancers descobriu que os extractos de canábis ricos em CBD (canabidiol) podem matar células cancerosas da...