Connect with us

Internacional

Malta é o primeiro país europeu a regulamentar o uso adulto de canábis

Publicado

em

Ouvir este artigo
Foto: D.R. | smoketrip.it

É oficial: Malta é o primeiro país da União Europeia a legalizar o cultivo e o uso pessoal de canábis, anunciou ontem o Times of Malta. Os adultos poderão ter consigo até sete gramas de canábis, cultivar até quatro plantas em casa e solicitar a anulação de qualquer registo ou antecedentes criminais relacionados com canábis.

Apesar de vários outros países terem anunciado planos para regulamentar o uso adulto de canábis, como a Alemanha, Luxemburgo ou Suíça, o Parlamento de Malta foi o primeiro a votar a favor da legalização na tarde de ontem, terça-feira, com o projecto de lei para o uso responsável de canábis a registar 36 votos a favor e 27 contra. O Ministro da Igualdade, Owen Bonnici, disse que este movimento “histórico” vai impedir os pequenos utilizadores de canábis de enfrentar o sistema de justiça criminal e conter o tráfico de drogas, garantindo que os adultos tenham agora uma maneira segura e regularizada para obter canábis. Malta já permitia o uso de canábis medicinal, tendo aprovado uma lei para fins terapêuticos em 2018.

A nova lei do uso responsável por adultos deverá agora ser promulgada pelo presidente de Malta, George Vella, um processo que geralmente acontece poucos dias após as votações parlamentares. Vella, que é médico de profissão, enfrentou apelos de ONGs e grupos de lobby que se opõem aos planos de reforma, para recusar a promulgação da lei.

O governo de Malta prevê que sejam constituídas associações para distribuir a canábis e as sementes para o cultivo, regulando assim a quantidade que alguém compra, sendo que uma pessoa só pode ser membro de uma associação. Também deverá existir apoio para os menores encontrados com canábis, que serão encaminhados para um plano de tratamento, em vez de enfrentar prisão ou acusações criminais.De acordo com a nova legislação, qualquer pessoa que tenha em sua posse mais de sete gramas, mas menos de 28, pode ser multada em até 100 euros. A punição por fumar em público terá uma multa de 235 euros e quem fumar à frente de qualquer pessoa com menos de 18 anos poderá ser multado em até 500 euros.

 

____________________________________________________________________________________________________

[Aviso: Por favor, tenha em atenção que este texto foi originalmente escrito em Português e é traduzido para inglês e outros idiomas através de um tradutor automático. Algumas palavras podem diferir do original e podem verificar-se gralhas ou erros noutras línguas.]

____________________________________________________________________________________________________

O que fazes com 3€ por mês? Torna-te um dos nossos Patronos! Se acreditas que o Jornalismo independente sobre canábis é necessário, subscreve um dos níveis da nossa conta no Patreon e terás acesso a brindes únicos e conteúdos exclusivos. Se formos muitos, com pouco fazemos a diferença!

+ posts
Clique aqui para comentar
Subscribe
Notify of

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Publicidade


Veja o Documentário "Pacientes"

Documentário Pacientes Laura Ramos Ajude-nos a crescer

Mais recentes

Eventos1 semana atrás

CannaTrade regressa a Zurique de 24 a 26 de Maio

A CannaTrade – Feira e Festival Internacional do Cânhamo de Zurique atinge em 2024 a maioridade, celebrando a sua 18ª...

Comunicados de Imprensa1 semana atrás

Grupo SOMAÍ e a sua subsidiária RPK Biopharma ampliam parceria com Cookies para incluir Europa e Reino Unido

LISBOA, PORTUGAL, 16 de maio de 2024 /EINPresswire.com/ — O Grupo SOMAÍ (“SOMAÍ”) e a sua subsidiária, RPK Biopharma expandiram...

Nacional2 semanas atrás

Portugal: Consumo estimado de CBD aumenta, apesar da proibição

O relatório “Cannabis in Portugal”, realizado pela Euromonitor International, divulgou os dados mais recentes sobre a indústria da canábis, os...

Nacional2 semanas atrás

“Canábis. Maldita e Maravilhosa”, de Margarita Cardoso de Meneses, chega às livrarias a 16 de Maio

Margarita Cardoso de Meneses, colaboradora do CannaReporter®, acaba de publicar o livro “Canábis. Maldita e Maravilhosa”, editado pela Oficina do...

Comunicados de Imprensa3 semanas atrás

Montemor-o-Velho: Detido por cultivo de canábis

O Comando Territorial de Coimbra, através do Núcleo de Investigação Criminal (NIC) do Destacamento Territorial de Montemor-o-Velho, hoje, dia 9...

Eventos3 semanas atrás

PTMC – Portugal Medical Cannabis reúne indústria da canábis medicinal a 22 de Maio, em Lisboa

A PTMC – Portugal Medical Cannabis vai reunir os profissionais da indústria da canábis medicinal no próximo dia 22 de...

Corporações3 semanas atrás

EUA: MedMen declara falência com 400 milhões de dólares de dívidas

A gigante norte-americana da canábis MedMen entrou em colapso sob o peso da sua dívida, anunciando na semana passada que...

Notícias3 semanas atrás

Estudo revela que legalização da canábis não aumenta consumo de outras substâncias

Um dos argumentos mais usados contra a legalização da canábis para uso adulto ou recreativo tem sido a ideia de...

Cânhamo3 semanas atrás

Letónia: Hemp School, da Obelisk Farm, é finalista do Prémio EFT Green Skills 2024

A Obelisk Farm continua a ser reconhecida mundo fora pela sua abordagem sui generais à exploração do cânhamo industrial. O projecto familiar, que...

Eventos3 semanas atrás

EUA: CannMed 24 Innovation & Investment Summit regressa a Marco Island, na Florida, de 12 a 15 de Maio

É uma das mais importantes conferências científicas sobre a indústria da canábis medicinal e regressa a Marco Island, na Florida,...