Connect with us

Internacional

Agentes da NYPD deixam de ser testados para uso de canábis, mas medida não é consensual

Publicado

em

Ouvir este artigo

O Município de Nova Iorque anunciou que os agentes da NYPD – New York Police Department – vão deixar de ser testados para o uso de canábis, avançou o New York Post. No entanto, e apesar de, inicialmente, o departamento ter divulgado uma declaração a dizer que iriam parar com os testes, rapidamente a vieram rectificar, informando que iriam ainda analisar e reflectir melhor sobre a ordem dada pelo Município. De acordo com um porta-voz da NYPD, o departamento “continuará a administrar rastreios de canábis ao seu pessoal”, mas apenas quando “houver indicação de incapacidade”. 

O New York Post obteve um memorando do próprio comissário adjunto dos assuntos legais da NYPD, datado de 11 de Julho, onde afirmava “começando imediatamente, o departamento só deve testar um membro ao serviço para o uso de canábis se houver suspeita razoável de que o membro é prejudicado pelo consumo de canábis no trabalho”. A polícia de Nova Iorque emitiu mais tarde uma carta a todos os comandos que diziam que os polícias “não estão autorizados a usar canábis dentro ou fora de serviço”. 

Anteriormente a esta ordem do Município Nova Iorquino, um agente da polícia seria automaticamente despedido se o seu teste de canábis fosse positivo, um processo referido como sendo “doled out” na gíria da polícia norte-americana.

Medida não reúne consenso entre os agentes

No entanto, nem todos os membros do famoso departamento policial aceitaram a possível alteração a esta regra de bom grado. “Não concordo nada com isso, mas sou um polícia antigo”, disse um polícia com décadas de trabalho. “Penso que dá um mau exemplo. O que se segue, injectar heroína”? 

“Tudo isto é para pessoas que não conseguem entrar na academia porque o teste de marijuana dá positivo”, disse outro agente. “Suponho que se vai voltar a contratar todas as pessoas que foram já excluídas? Este departamento está a descer a pique. O que acontece se a pessoa dispara e mata alguém e se descobre que a mesma estava pedrada com canábis?” 

Um polícia de Manhattan com mais de duas décadas de serviço concordou com a nova decisão e acrescentou que acreditava que a polícia de Nova Iorque estava a fazer a mudança para padrões mais baixos, de forma a que mais candidatos pudessem ser contratados para compensar o recente aumento de aposentações no departamento. 

 

____________________________________________________________________________________________________

[Aviso: Por favor, tenha em atenção que este texto foi originalmente escrito em Português e é traduzido para inglês e outros idiomas através de um tradutor automático. Algumas palavras podem diferir do original e podem verificar-se gralhas ou erros noutras línguas.]

____________________________________________________________________________________________________

O que fazes com 3€ por mês? Torna-te um dos nossos Patronos! Se acreditas que o Jornalismo independente sobre canábis é necessário, subscreve um dos níveis da nossa conta no Patreon e terás acesso a brindes únicos e conteúdos exclusivos. Se formos muitos, com pouco fazemos a diferença!

+ posts
Clique aqui para comentar
Subscribe
Notify of

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Publicidade


Veja o Documentário "Pacientes"

Documentário Pacientes Laura Ramos Ajude-nos a crescer

Mais recentes

Eventos2 dias atrás

CannaTrade regressa a Zurique de 24 a 26 de Maio

A CannaTrade – Feira e Festival Internacional do Cânhamo de Zurique atinge em 2024 a maioridade, celebrando a sua 18ª...

Comunicados de Imprensa3 dias atrás

Grupo SOMAÍ e a sua subsidiária RPK Biopharma ampliam parceria com Cookies para incluir Europa e Reino Unido

LISBOA, PORTUGAL, 16 de maio de 2024 /EINPresswire.com/ — O Grupo SOMAÍ (“SOMAÍ”) e a sua subsidiária, RPK Biopharma expandiram...

Nacional6 dias atrás

Portugal: Consumo estimado de CBD aumenta, apesar da proibição

O relatório “Cannabis in Portugal”, realizado pela Euromonitor International, divulgou os dados mais recentes sobre a indústria da canábis, os...

Nacional7 dias atrás

“Canábis. Maldita e Maravilhosa”, de Margarita Cardoso de Meneses, chega às livrarias a 16 de Maio

Margarita Cardoso de Meneses, colaboradora do CannaReporter®, acaba de publicar o livro “Canábis. Maldita e Maravilhosa”, editado pela Oficina do...

Comunicados de Imprensa2 semanas atrás

Montemor-o-Velho: Detido por cultivo de canábis

O Comando Territorial de Coimbra, através do Núcleo de Investigação Criminal (NIC) do Destacamento Territorial de Montemor-o-Velho, hoje, dia 9...

Eventos2 semanas atrás

PTMC – Portugal Medical Cannabis reúne indústria da canábis medicinal a 22 de Maio, em Lisboa

A PTMC – Portugal Medical Cannabis vai reunir os profissionais da indústria da canábis medicinal no próximo dia 22 de...

Corporações2 semanas atrás

EUA: MedMen declara falência com 400 milhões de dólares de dívidas

A gigante norte-americana da canábis MedMen entrou em colapso sob o peso da sua dívida, anunciando na semana passada que...

Notícias2 semanas atrás

Estudo revela que legalização da canábis não aumenta consumo de outras substâncias

Um dos argumentos mais usados contra a legalização da canábis para uso adulto ou recreativo tem sido a ideia de...

Cânhamo2 semanas atrás

Letónia: Hemp School, da Obelisk Farm, é finalista do Prémio EFT Green Skills 2024

A Obelisk Farm continua a ser reconhecida mundo fora pela sua abordagem sui generais à exploração do cânhamo industrial. O projecto familiar, que...

Eventos2 semanas atrás

EUA: CannMed 24 Innovation & Investment Summit regressa a Marco Island, na Florida, de 12 a 15 de Maio

É uma das mais importantes conferências científicas sobre a indústria da canábis medicinal e regressa a Marco Island, na Florida,...