Connect with us

Cânhamo

Colher cânhamo antecipadamente maximiza a obtenção de CBD, diz estudo

Publicado

em

Ouvir este artigo
Foto: CBD Premium Flower Finola | Nordic Joint

Os cultivadores de cânhamo devem colher as suas plantas antes de atingirem a maturidade total da semente, caso queiram maximizar a quantidade de CBD que pode ser extraída, sugere um novo estudo publicado na Royal Society Open Science. 

De acordo com as mais recentes investigações de cientistas da Universidade de York, no Reino Unido, e da Universidade de Khon Kaen, na Tailândia, os níveis globais de canabinóides, incluindo o CBD, atingem o seu máximo na popular variedade de cânhamo Finola cerca de nove semanas após a sementeira, antes de começarem a diminuir. No entanto, os melhores rácios de CBD:THC para a extracção foram alcançados na fase de floração, apenas oito semanas após a sementeira. 

Estes resultados demonstram a importância de estudar a evolução do metabolito nas plantas de cânhamo ao longo do tempo, dizem os investigadores, especialmente dada a crescente procura de CBD que está a ser alimentada por uma indústria multibilionária de produtos de CBD. 

Colher cedo para maximizar a produção de CBD 
Para efectuar este estudo, os investigadores plantaram 160 sementes da variedade Finola que produziram um total de 90 plantas fêmeas de cânhamo que puderam ser estudadas. Estas plantas foram depois colhidas durante uma de quatro potenciais janelas de colheita: 
 

  1. Durante a fase vegetativa, quatro semanas após a sementeira;  
  1. Durante a fase de floração, oito semanas após a sementeira; 
  1. Após a fase de floração estar completa, nove semanas após a sementeira; 
  1. Fase de maturidade das sementes, onze semanas após a sementeira. 

Durante a colheita, as plantas foram divididas nas suas folhas, caules e inflorescências (flores), com cada lote de material da planta preparado separadamente para testes. Os testes foram feitos utilizando uma técnica de extracção Sohxlet para extrair o produto de resina em bruto, que foi previamente pesada antes de ser analisada utilizando um método de cromatografia gasosa de alta temperatura (HTGC). 

Comparando os rendimentos para cada parte da planta em cada etapa do ciclo de colheita, os investigadores descobriram que o rendimento bruto do extracto era mais elevado nos caules na primeira janela de colheita estabelecida, mas atingia o seu pico para as folhas e flores na quarta janela de colheita. 

A análise da composição revelou que o maior número de canabinóides foi encontrado nos extractos das flores das plantas, enquanto o extracto das folhas era constituído em grande parte por ésteres de cera e compostos de esteróides. Nas flores, o conteúdo de canabinóides aumentou ao longo do tempo até atingir um pico na terceira janela de colheita, que diminuiu ligeiramente na quarta janela da colheita. A maior quantidade de CBD foi também encontrada na terceira janela de colheita. 

“Inicialmente, à medida que o cânhamo cresce, os níveis de canabinóides são baixos até a planta atingir a floração”, disse o autor do estudo Andrew Hunt, à Newsweek. “O conteúdo de canabinóides diminui depois até a maturidade da semente ser atingida”.  

Colheita antecipada pode limitar o desenvolvimento do THC
Os níveis máximos de CBD não são o único factor de composição importante a estudar na maturação do cânhamo; igualmente importantes são os níveis de THC da planta.
 

“Nos EUA [assim como na Europa que já aceitou subir os limites], o limite legal de concentração de THC não pode exceder 0,3% numa base de peso seco em qualquer parte da planta, sementes ou extractos”, explicou Hunt. 

Uma planta que produz quantidades elevadas de CBD e THC precisará de um processamento pós-colheita extensivo para remover esse THC e criar um CBD isolado, destilado, ou outro produto que possa ser vendido. Mas ter uma planta que contenha naturalmente uma grande quantidade de CBD e baixos níveis de THC tornará o isolamento e a purificação da CBD muito mais fácil. 

Os investigadores descobriram que, embora as quantidades totais de CBD tenham atingido o seu pico na terceira janela de colheita neste estudo, o rácio CBD:THC mais favorável foi visto na segunda janela de colheita, uma vez que os níveis de THC foram significativamente mais baixos aqui do que durante a terceira janela de colheita. 

“A maior proporção de canabidiol foi extraída das flores em plena floração, no entanto um aumento significativo (63%) do tetrahidrocanabinol psicoactivo proibido (THC) foi observado nesta fase de colheita, em comparação com a fase de florescimento, onde a planta começa a florir”, disse Hunt. 

“Colher as flores após a floração seria preferível devido ao elevado teor de canabidiol e às baixas quantidades de THC”. 

Os investigadores dizem que este estudo destaca a importância de estudar a variação dos canabinóides e outros compostos vegetais na planta de cânhamo à medida que esta amadurece, a fim de identificar diferentes tempos de colheita que possam maximizar o potencial valor industrial da planta. 

Publicidade


Veja o Documentário "Pacientes"

Documentário Pacientes Laura Ramos Ajude-nos a crescer

Mais recentes

Internacional2 dias atrás

Alemanha: Bundestag votou hoje a favor da legalização da canábis, mas ainda é necessária a aprovação do Conselho Federal

O Bundestag debateu e votou esta tarde o projecto da legalização do uso pessoal de canábis no país, com 407...

Internacional3 dias atrás

Alemanha: Legalização vai ser discutida esta sexta-feira, dia 23

O Bundestag da Alemanha vai finalmente deliberar sobre a legalização da canábis para consumo pessoal no país. O debate, que tem sido...

Cânhamo5 dias atrás

Cultivo de Cânhamo nos Açores vai ter sessão de esclarecimento na Ilha Terceira

A Confraria Internacional Cannabis Portugal e a CannAzores unem esforços para promover uma Sessão de Esclarecimento sobre o Cultivo de...

Saúde1 semana atrás

CBD e CBC mostram resultados promissores no carcinoma espinocelular de cabeça e pescoço

Um estudo publicado na revista Cancers descobriu que os extractos de canábis ricos em CBD (canabidiol) podem matar células cancerosas da...

Internacional1 semana atrás

Ucrânia: Zelensky assina projecto de lei para legalizar a canábis medicinal

O presidente ucraniano Volodymyr Zelensky assinou um projecto de lei que legaliza a canábis medicinal na Ucrânia, prevendo-se que os...

Nacional2 semanas atrás

Portugal: Associação Mães pela Canábis publica e-book sobre canábis medicinal

A Associação de Mães pela Canábis (AMC) anunciou o lançamento de um e-book intitulado “Fronteiras da Cannabis: CIÊNCIA, TERAPÊUTICA &...

Corporações3 semanas atrás

Akanda assina carta de intenção para vender RPK Biopharma à Somaí. “Será uma das poucas empresas verticais de canábis da UE”, diz Michael Sassano

A Akanda Corporation, uma empresa internacional de canábis medicinal cotada na Nasdaq (AKAN) e que detém a empresa portuguesa Holigen, anunciou...

Cânhamo3 semanas atrás

Portugal: DGAV admite que o CBD é a sua “grande dor de cabeça” e produtores reclamam utilização da planta inteira

A conferência “Cânhamo Industrial – o (Re)nascer da Fileira em Portugal” promovida pela Cânhamor e pela Consulai, que decorreu dia...

Internacional4 semanas atrás

Pensionista espanhol contorna segurança do aeroporto de Lisboa com 21 kg de canábis

Um pensionista espanhol de 63 anos foi detido em Malta, depois de aterrar no aeroporto num voo proveniente de Lisboa,...

Cânhamo4 semanas atrás

Portugal: O futuro do cânhamo industrial discute-se amanhã em Beja

  O auditório EDIA, em Beja, vai receber amanhã, dia 30 de Janeiro, a partir das 14 horas, uma ronda...