Connect with us

Eventos

Reino Unido: Cannabis Europa regressa a Londres a 2 e 3 de Maio

Publicado

em

Ouvir este artigo

À medida que a indústria da canábis ganha impulso global exponencial, a principal conferência de política de canábis da Europa retorna a Londres, numa altura em que os mercados de canábis para uso adulto aceleram em direcção à legalização. É neste cenário que a Cannabis Europa acontece, já nos próximos dias 2 e 3 de Maio, no Barbican Centre, em Londres, organizada pela Prohibition Partners. O evento anual reunirá mais de 1.500 profissionais, desde políticos a operadores da indústria, passando por investidores, pacientes e defensores da canábis de mais de 37 países. O objectivo é discutir o estado da indústria e as oportunidades globais emergentes na região.

A mudança de atitudes em relação à canábis, as forças económicas e a maior sensibilidade das questões de justiça social são apenas alguns dos factores que mudam a maré da legalização do uso adulto na Europa. De acordo com o comunicado de Imprensa da Prohibition Partners, organizadora do evento, “prevê-se que as vendas de canábis legal para uso adulto na Europa cheguem a 1,6 mil milhões de euros até 2027, à medida que os mercados europeus de uso adulto na Alemanha, República Checa, Suíça e Holanda se desenvolvem. Durante o mesmo período de tempo, haverá um crescimento exponencial da população de pacientes em países como França, Reino Unido e Polónia, elevando o número total de pacientes de canábis medicinal na Europa para cerca de 1,43 milhões – um aumento de 234% em relação ao período de previsão (2023-2027).

Dorien Rookmaker, MPE da Holanda, que falará no painel “EU Better Believe It”, observou que há grandes questões pela frente para este sector. “A expansão da legalização do uso medicinal e recreativo da canábis criou enormes oportunidades em todo o mundo. Os padrões internacionais e a melhoria da legislação são de grande importância. Quais são os próximos passos?”, questiona a representante do Parlamento Europeu, que falará no evento.

A Cannabis Europa analisará os principais impulsionadores do crescimento do mercado, bem como as oportunidades e os desafios futuros. O principal deles é o momento da legalização em toda a Europa e como os regulamentos irão afectar a velocidade e o crescimento do mercado.

“Mesmo que pareça lento, a Europa está a caminho de criar uma nova maneira de lidar com a canábis – justa, acessível, mas ainda altamente regulamentada”, disse Dirk Heitepriem, vice-presidente da Associação Alemã da Indústria de Cannabis, que falará na sessão “Estado da arte: Alemanha.”

O mercado europeu de canábis tem sido historicamente mais rigoroso do que os EUA em termos de diversidade e acesso a produtos, mesmo para uso medicinal, e é improvável que isso mude, mesmo com a evolução das leis em torno da substância por motivos de segurança. Ainda assim, as vendas combinadas de CBD, canábis medicinal e para uso adulto chegarão a quase € 6,5 mil milhões até 2027, de acordo com um relatório da Prohibition Partners, o grupo que organiza a Cannabis Europa.

“A proibição parece estar a falhar completamente no sector de canábis e o mercado não apenas se estabeleceu, mas também está a crescer. Por isso, precisamos encontrar melhores instrumentos de controlo. Um mercado estritamente regulamentado pode regular o que é produzido, onde, por quem e como é vendido. Uma proibição total não pode fazer isso”, explica o Coordenador Nacional Checo de Drogas, Jindrich Voboril. “Um mercado regulamentado tem um maior potencial de prevenção de danos.”

A agenda de dois dias contará com um prestigiado grupo de defensores, inovadores, formuladores de políticas e investidores envolvidos em conversas significativas sobre como impulsionar esse mercado. O valor de registo para a conferência começa em £ 420 para a conferência geral de 2 dias e ingresso para a exposição. Os bilhetes VIP estão disponíveis por £ 720 e incluem pequeno almoço de networking na manhã de 2 de Maio e uma recepção com bebidas no Barbican Conservatory a 3 de Maio — estes registos VIP também incluem acesso a uma sala de networking VIP exclusiva e comida e bebida gratuitas nos dois dias.

Ao longo dos dois dias do evento, os participantes terão uma oportunidade única de se conectar com líderes influentes de empresas de canábis bem-sucedidas, investidores activos no mercado e importantes legisladores de políticas.

O Cannareporter é Media Partner da Cannabis Europa desde 2019. Pode utilizar o nosso código para obter 10% a 15% de desconto nos registos.
– Desconto de 15% no ingresso VIP: CANREP15
– 10% de desconto no ingresso normal: 10CANREP

 

____________________________________________________________________________________________________

[Aviso: Por favor, tenha em atenção que este texto foi originalmente escrito em Português e é traduzido para inglês e outros idiomas através de um tradutor automático. Algumas palavras podem diferir do original e podem verificar-se gralhas ou erros noutras línguas.]

____________________________________________________________________________________________________

O que fazes com 3€ por mês? Torna-te um dos nossos Patronos! Se acreditas que o Jornalismo independente sobre canábis é necessário, subscreve um dos níveis da nossa conta no Patreon e terás acesso a brindes únicos e conteúdos exclusivos. Se formos muitos, com pouco fazemos a diferença!

Licenciada em Jornalismo pela Universidade de Coimbra, Laura Ramos tem uma pós-graduação em Fotografia e é Jornalista desde 1998. Foi correspondente do Jornal de Notícias em Roma, Itália, e Assessora de Imprensa no Gabinete da Ministra da Educação. Tem uma certificação internacional em Permacultura (PDC) e criou o arquivo fotográfico de street-art “O que diz Lisboa?” @saywhatlisbon. Laura é actualmente Editora do CannaReporter e da CannaZine, além de fundadora e directora de programa da PTMC - Portugal Medical Cannabis. Realizou o documentário “Pacientes” e integrou o steering group da primeira Pós-Graduação em GxP’s para Canábis Medicinal em Portugal, em parceria com o Laboratório Militar e a Faculdade de Farmácia da Universidade de Lisboa.

Clique aqui para comentar
Subscribe
Notify of

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Publicidade


Veja o Documentário "Pacientes"

Documentário Pacientes Laura Ramos Ajude-nos a crescer

Mais recentes

Comunicados de Imprensa11 horas atrás

Tilray recebe a primeira nova licença de cultivo de canábis na Alemanha, ao abrigo dos novos regulamentos

Foi concedida uma nova licença de cultivo de canábis às instalações Aphria RX da Tilray na Alemanha, permitindo um aumento...

Comunicados de Imprensa11 horas atrás

Sanity Group garante capital de crescimento adicional no valor total de 17 milhões de euros

O Sanity Group GmbH, uma das principais empresas de canábis da Alemanha, anunciou a conclusão de um investimento do Jupiter...

Internacional16 horas atrás

Rigoroso limite de 0,0001% de THC pode isolar Japão dos mercados internacionais de CBD

A 30 de Maio de 2024, um choque sísmico atingiu a indústria japonesa de CBD. Em resposta à revisão da...

Nacional18 horas atrás

Portugal: Médicos já podem prescrever 8 derivados de canábis – saiba quais

O Infarmed – Autoridade Nacional do Medicamento e Produtos de Saúde, I.P. aprovou na semana passada duas novas ACMs (Autorização...

Internacional4 dias atrás

Tailândia: Activistas suspendem greve de fome para preparar novas formas de protesto: “Estamos confiantes de que a canábis não será reclassificada como narcótico”

O grupo de activistas tailandês que se auto-intitula “Writing Thailand’s Cannabis Future Network”, liderado por Kitty Chopaka, anunciou hoje o...

Internacional5 dias atrás

Alemanha: Médicos de 16 especialidades já podem prescrever canábis sem aprovação dos seguros

O Comité Federal Misto Alemão (Gemeinsamer Bundesausschuss, ou G-BA) anunciou esta semana as excepções aos requisitos de aprovação para a...

Nacional6 dias atrás

Infarmed aprova duas novas ACM’s de preparações à base de canábis

O Infarmed – Autoridade Nacional do Medicamento e Produtos de Saúde, I.P. aprovou duas novas ACMs (Autorização de Colocação no...

Cânhamo6 dias atrás

Leonardo Sousa: “É literalmente a auto-suficiência de um país que está aqui atrás, a quase todos os níveis”

Aos 31 anos, Leonardo Rodrigues Sousa tem-se destacado como um dos mais jovens empreendedores no sector do cânhamo industrial em...

Entrevistas7 dias atrás

Adonis Georgiadis: “A única discussão é sobre o uso farmacêutico. Não há efeito dominó na Grécia”

Encontrámos Adonis Georgiadis, Ministro da Saúde da Grécia, em Londres, na Cannabis Europa, uma das mais antigas conferências sobre canábis...

Cânhamo7 dias atrás

CBD… What the FAQ? — Tudo o que precisa de saber sobre Canabidiol

Está em milhares de produtos. É apresentado como a nova panaceia para quase todas as maleitas e embora pareça que...