Connect with us

Internacional

Gana faz história: Nova lei abre portas ao cultivo de canábis

Publicado

em

Ouvir este artigo

O Parlamento do Gana alcançou um marco importante ao aprovar um projecto de lei da Comissão de Controlo de Estupefacientes, concedendo ao Ministério do Interior a autoridade para emitir licenças para o cultivo de canábis. Esta medida abre uma infinidade de possibilidades de utilização desta planta versátil em diversas aplicações benéficas. Mas o caminho para a aprovação desta legislação não foi fácil e teve de ultrapassar alguns obstáculos.

Com a entrada em vigor da nova lei, o Gana dá um salto gigantesco no sentido de aproveitar os potenciais benefícios do cultivo de canábis. Ao permitir o cultivo controlado com um teor limitado de THC, o governo pretende explorar o seu potencial industrial e várias aplicações na produção de fibras e sementes. Além disso, as propriedades medicinais da canábis podem agora ser estudadas em profundidade e utilizadas de forma regulamentada.

Espera-se que esta conquista legislativa lance as bases para o desenvolvimento de uma indústria de canábis bem regulamentada no Gana. O cultivo e a utilização da canábis obedecerão agora a directrizes e normas de qualidade rigorosas, garantindo a sua aplicação responsável e benéfica. Mas nem tudo foi fácil.

Obstáculos pelo caminho

O artigo 43.º da Lei 1019 tinha anteriormente autorizado o Ministro, com a recomendação da Comissão, a conceder licenças para o cultivo de canábis, vulgarmente conhecida como “wee” no Gana. No entanto, esta cláusula foi eliminada. O Supremo Tribunal interveio e declarou inconstitucional o artigo 43.º da lei, o que dificultou a aprovação do projecto de lei.

No dia 12 de Julho de 2023, o Parlamento aprovou o projecto de lei de 2023 da Comissão de Controlo de Estupefacientes (alteração), que contém uma única cláusula de atribuição de competências. Uma vez aprovada, esta cláusula permitirá ao Ministro conceder licenças para o cultivo de canábis no país.

A legalização do cultivo de canábis não só abre caminhos económicos como também incentiva a investigação e a inovação. As indústrias no Gana podem agora explorar práticas sustentáveis e desenvolver produtos de qualidade, reforçando a posição da nação no mercado global.

A comunidade médica aguarda com expectativa as novas oportunidades de explorar as propriedades medicinais da canábis. Com o cultivo regulamentado, os cientistas e investigadores podem realizar estudos aprofundados para desenvolver tratamentos e medicamentos eficazes, beneficiando potencialmente inúmeros doentes.

Ao adoptar uma abordagem regulamentada ao cultivo da canábis, o Gana dá um passo em frente na abordagem das questões sociais relacionadas com o consumo de drogas. A legislação tem como objectivo reduzir o comércio ilegal de drogas e a criminalidade associada, promovendo uma sociedade mais segura e saudável.

O cultivo controlado de canábis também apresenta benefícios ambientais. Sendo uma planta de crescimento rápido, a canábis pode contribuir para o armazenamento de carbono, ajudando assim a atenuar as alterações climáticas. Além disso, o seu potencial como recurso sustentável e amigo do ambiente pode reduzir a dependência de alternativas nocivas.

 

____________________________________________________________________________________________________

[Aviso: Por favor, tenha em atenção que este texto foi originalmente escrito em Português e é traduzido para inglês e outros idiomas através de um tradutor automático. Algumas palavras podem diferir do original e podem verificar-se gralhas ou erros noutras línguas.]

____________________________________________________________________________________________________

O que fazes com 3€ por mês? Torna-te um dos nossos Patronos! Se acreditas que o Jornalismo independente sobre canábis é necessário, subscreve um dos níveis da nossa conta no Patreon e terás acesso a brindes únicos e conteúdos exclusivos. Se formos muitos, com pouco fazemos a diferença!

+ posts
Clique aqui para comentar
Subscribe
Notify of

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Publicidade


Veja o Documentário "Pacientes"

Documentário Pacientes Laura Ramos Ajude-nos a crescer

Mais recentes

Eventos1 semana atrás

CannaTrade regressa a Zurique de 24 a 26 de Maio

A CannaTrade – Feira e Festival Internacional do Cânhamo de Zurique atinge em 2024 a maioridade, celebrando a sua 18ª...

Comunicados de Imprensa1 semana atrás

Grupo SOMAÍ e a sua subsidiária RPK Biopharma ampliam parceria com Cookies para incluir Europa e Reino Unido

LISBOA, PORTUGAL, 16 de maio de 2024 /EINPresswire.com/ — O Grupo SOMAÍ (“SOMAÍ”) e a sua subsidiária, RPK Biopharma expandiram...

Nacional2 semanas atrás

Portugal: Consumo estimado de CBD aumenta, apesar da proibição

O relatório “Cannabis in Portugal”, realizado pela Euromonitor International, divulgou os dados mais recentes sobre a indústria da canábis, os...

Nacional2 semanas atrás

“Canábis. Maldita e Maravilhosa”, de Margarita Cardoso de Meneses, chega às livrarias a 16 de Maio

Margarita Cardoso de Meneses, colaboradora do CannaReporter®, acaba de publicar o livro “Canábis. Maldita e Maravilhosa”, editado pela Oficina do...

Comunicados de Imprensa3 semanas atrás

Montemor-o-Velho: Detido por cultivo de canábis

O Comando Territorial de Coimbra, através do Núcleo de Investigação Criminal (NIC) do Destacamento Territorial de Montemor-o-Velho, hoje, dia 9...

Eventos3 semanas atrás

PTMC – Portugal Medical Cannabis reúne indústria da canábis medicinal a 22 de Maio, em Lisboa

A PTMC – Portugal Medical Cannabis vai reunir os profissionais da indústria da canábis medicinal no próximo dia 22 de...

Corporações3 semanas atrás

EUA: MedMen declara falência com 400 milhões de dólares de dívidas

A gigante norte-americana da canábis MedMen entrou em colapso sob o peso da sua dívida, anunciando na semana passada que...

Notícias3 semanas atrás

Estudo revela que legalização da canábis não aumenta consumo de outras substâncias

Um dos argumentos mais usados contra a legalização da canábis para uso adulto ou recreativo tem sido a ideia de...

Cânhamo3 semanas atrás

Letónia: Hemp School, da Obelisk Farm, é finalista do Prémio EFT Green Skills 2024

A Obelisk Farm continua a ser reconhecida mundo fora pela sua abordagem sui generais à exploração do cânhamo industrial. O projecto familiar, que...

Eventos3 semanas atrás

EUA: CannMed 24 Innovation & Investment Summit regressa a Marco Island, na Florida, de 12 a 15 de Maio

É uma das mais importantes conferências científicas sobre a indústria da canábis medicinal e regressa a Marco Island, na Florida,...