Connect with us

Internacional

EUA: Safer Banking Act dá um passo em frente para a liberdade financeira do sector da canábis

Publicado

em

Ouvir este artigo

Num passo importante para a indústria da canábis, o SAFER Banking Act triunfou na sua primeira avaliação pelo Senado, avançando assim para uma votação integral no Senado. O SAFER (Secure and Fair Enforcement Regulation) Banking Act, aperfeiçoado pelos esforços bipartidários, tem como principal objectivo introduzir as vias comerciais tradicionais e a transparência nas empresas de canábis. 

O resultado da votação do Comité Bancário do Senado a favor (14-9) do projecto de lei sobre o sector bancário da canábis abre agora caminho para as empresas de canábis licenciadas pelos Estados. Ao oferecer um refúgio seguro às instituições financeiras, esta legislação promete uma nova era de estabilidade financeira para o sector.

Um avanço histórico no Senado

Esta votação do SAFER Banking Act no Senado é histórica. Apesar de o SAFE Banking Act ter passado pela Câmara dos Deputados sete vezes desde 2019, é o SAFER Banking Act que está no limiar do Senado, resultado das incansáveis negociações bipartidárias que duraram quase quatro meses.

Sherrod Brown, presidente do Comité Bancário do Senado, enfatizou a importância do projecto lei, afirmando inequivocamente que é um passo necessário. Sublinhou o seu papel na garantia da segurança das empresas legais de canábis, dos seus funcionários e das comunidades. A segurança, um sentimento partilhado pelo Senador Steve Daines, está no cerne desta legislação. Abordando as vulnerabilidades de um modelo que utiliza apenas dinheiro, a lei procura tornar as empresas legais de canábis menos susceptíveis ao roubo, à evasão fiscal e ao crime organizado, promovendo assim um ambiente seguro para o comércio.

Desafios e economia local

O SAFER Banking Act não está isento de desafios. A secção 10, um ponto de discórdia, suscitou debates em torno do potencial renascimento da controversa “Operação Choke Point”. No entanto, a lei privilegia a devida diligência em detrimento de recusas generalizadas, promovendo o escrutínio individual dos clientes e rejeitando a noção de “risco para a reputação” como fundamento para a cessação de contas.

Além disso, a lei dá prioridade a oportunidades equitativas. Assegura que as instituições financeiras servem não só as empresas de canábis, mas também estendem os seus serviços às zonas rurais, às comunidades com baixos rendimentos e às regiões tribais. Este compromisso com a inclusão financeira sublinha o impacto social mais amplo da lei, que transcende a indústria do canábis.

Contudo, e apesar dos seus avanços, o SAFER Banking Act enfrenta algumas vozes contra a nova lei. Senadores como Raphael Warnock expressaram preocupações sobre as dimensões de justiça social da lei, pedindo medidas tangíveis que abordem as injustiças históricas causadas pela guerra às drogas. Embora a sua proposta de alteração não tenha sido aceite, serve para recordar a complexa interacção entre a elaboração de políticas e a equidade social.

Que futuro para o sector financeiro da canábis?

A aprovação do SAFER Banking Act pelo Comité Bancário do Senado significa um progresso, mas é apenas um capítulo na narrativa mais ampla da legalização da canábis. O debate persiste: deverá o dinheiro da canábis ser legalizado antes da legalização mais alargada da própria canábis? Esta questão permanece, intrincada numa rede de considerações legais, sociais e económicas.

O avanço do SAFER Banking Act é um farol de esperança para a indústria da canábis, prometendo estabilidade financeira, segurança e inclusão. Enquanto aguarda o seu destino no Senado, a lei é um testemunho do poder da colaboração bipartidária na construção de um futuro mais equitativo e seguro para as empresas de canábis e para as comunidades que servem.

 

____________________________________________________________________________________________________

[Aviso: Por favor, tenha em atenção que este texto foi originalmente escrito em Português e é traduzido para inglês e outros idiomas através de um tradutor automático. Algumas palavras podem diferir do original e podem verificar-se gralhas ou erros noutras línguas.]

____________________________________________________________________________________________________

O que fazes com 3€ por mês? Torna-te um dos nossos Patronos! Se acreditas que o Jornalismo independente sobre canábis é necessário, subscreve um dos níveis da nossa conta no Patreon e terás acesso a brindes únicos e conteúdos exclusivos. Se formos muitos, com pouco fazemos a diferença!

+ posts
Clique aqui para comentar
Subscribe
Notify of

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Publicidade


Veja o Documentário "Pacientes"

Documentário Pacientes Laura Ramos Ajude-nos a crescer

Mais recentes

Eventos15 horas atrás

Maren Krings, autora de “H is for Hemp” apresenta o seu documentário sobre a Ucrania hoje em Lisboa

Maren Krings, fotojornlista autro-alemã e autora do livro “H is for Hemp” está hoje em Lisboa para apresentar o seu...

Internacional3 dias atrás

EUA: Pediatra Bonni Goldstein lança petição contra a proibição de medicamentos de CBD natural na Califórnia

A pediatra norte-americana Bonni Goldstein está a alertar para a tentativa de proibição de medicamentos derivados de CBD natural na...

Internacional3 dias atrás

Europa tem quase 23 milhões de utilizadores de canábis, a mais consumida de todas as substâncias ilícitas

A canábis continua a ser, de longe, a substância ilícita mais consumida na Europa. Estas são as conclusões do “Relatório...

Eventos4 dias atrás

Mary Jane celebra a cultura da canábis legal pela primeira vez na Alemanha

É já no próximo fim-de-semana, de 14  16 de Junho, que se realiza a já habitual Mary Jane, na Messe...

Eventos1 semana atrás

CB Club reúne profissionais da canábis antecipando a Mary Jane, em Berlim

A antecipar a CB Expo (Cannabis Business Expo and Conference), que acontecerá em Dortmund, em Setembro, a CB Company vai...

Reportagem1 semana atrás

África do Sul: a legalização de uma indústria que já prospera

Nas semanas que antecederam as eleições para Assembleia Geral na África do Sul, na passada quarta-feira, 29 de Maio, havia...

Entrevistas1 semana atrás

Rui Reininho: “Eu acho esquisitíssimo andarem os meus colegas da GNR a meter o nariz nas propriedades das pessoas a ver o que é que esta planta faz”

Rui Reininho, músico português que ficou famoso enquanto vocalista dos GNR, dispensa apresentações. Ao contrário do que muitos pensam, não fundou...

Notícias2 semanas atrás

Canadá: Estudo demonstra que utilização de canábis reduz consumo de metanfetaminas

Os utilizadores de poli-drogas, indivíduos que consomem várias substâncias, recorrem frequentemente à canábis como forma de reduzir o seu consumo...

Eventos4 semanas atrás

CannaTrade regressa a Zurique de 24 a 26 de Maio

A CannaTrade – Feira e Festival Internacional do Cânhamo de Zurique atinge em 2024 a maioridade, celebrando a sua 18ª...

Comunicados de Imprensa4 semanas atrás

Grupo SOMAÍ e a sua subsidiária RPK Biopharma ampliam parceria com Cookies para incluir Europa e Reino Unido

LISBOA, PORTUGAL, 16 de maio de 2024 /EINPresswire.com/ — O Grupo SOMAÍ (“SOMAÍ”) e a sua subsidiária, RPK Biopharma expandiram...