Connect with us

Nacional

Portugal tem 42 empresas de canábis medicinal, mas mais 150 já estão aptas para prosseguir no processo de licenciamento

Publicado

em

Ouvir este artigo

Portugal continua bem posicionado para ser um dos principais produtores de canábis medicinal do mundo. São actualmente 42 as empresas com licença do Infarmed I.P. para operar em actividades relacionadas com canábis medicinal em Portugal, mais 8 do que em 2022, um crescimento de 23,5%. No entanto, há mais 150 entidades com aptidão documental para prosseguir no processo de licenciamento, o que pode aumentar consideravelmente o número de empresas a operar no sector da canábis a nível nacional num futuro breve.

* Esta notícia sofreu uma actualização a 14 de Novembro, veja-a no final do artigo.

Este ano, o Infarmed emitiu 76 novas autorizações para cultivar, fabricar, importar, exportar e distribuir canábis, mas tem outros 265 pedidos em fase de pós-decisão ou aptidão para vistoria: 98 pedidos de inspecção para cultivo, 38 para fabrico, 115 para importação / exportação e 14 para distribuição por grosso.

Actualmente, são 24 as empresas que têm licença para cultivo, 15 para fabrico e preparação de substâncias e preparações, 12 para comércio por grosso e 32 acumulam licenças para importação e exportação. 17 já têm certificação EU-GMP (Good Manufacturing Practices).

Portugal exportou mais de 5.4 toneladas de canábis até Agosto de 2023, principalmente para a Alemanha, Polónia e Austrália, mas os médicos continuam a prescrever muito pouco no país: apenas 524 embalagens foram receitadas, da única substância que está disponível para os pacientes portugueses: a Tilray Flor Seca com 18% de THC.

Os dados foram divulgados esta semana pela Autoridade Nacional do Medicamento e Produtos de Saúde I.P. e o Cannareporter actualizou o mapa e as listas de empresas licenciadas com os números mais recentes. Veja abaixo a versão do mapa em Inglês.

A localização das empresas no mapa corresponde à sua sede fiscal e não necessariamente ao local de cultivo ou da actividade desenvolvida. Algumas destas empresas acumulam vários tipos de licença, para diferentes áreas de actividade relacionadas com a canábis.

Novas empresas a operar com canábis em Portugal
Em 2023 há novas empresas com licença para canábis medicinal em Portugal: Sun Light Greens, Belvedere Pharma, GBE Pharma, Canneurox Portugal (ou Avextra) e Schroll Flavours constam agora também das listas de cultivo.

No que respeita ao fabrico, destaca-se a entrada nesta área específica da Somaí, da Sociedade Agrícola Monte das Barrocas, Lda. (que já tinha a de cultivo em 2022), a Bluestabil, a Blossom Genetics, o ISQ – Instituto de Soldadura e Qualidade e a Technophage.

No comércio por grosso, entraram no jogo a Jazz Pharmaceuticals France – Sucursal em Portugal, a Alliance Healthcare e a Galaxiavertical.

A importação e a exportação foram os sectores onde se verificou um maior número de empresas a serem licenciadas. Este ano entraram a Blossom Genetics, a Canneurox Portugal (Avextra), a Somaí, a Sun Light Greens, a Belvedere Pharma, a GBE Pharma, a Schroll Flavours, a Galaxiavertical e a Jazz Pharmaceuticals France – Sucursal em Portugal.

Sete novas empresas conseguiram obter a certificação EU-GMP: a Bluestabil – Stability Studies Services, a Sociedade Agrícola Monte das Barrocas, a Somaí, a Cannprisma, o ISQ – Instituto de Soldadura e Qualidade, a Technophage e a Blossom Genetics.

As empresas que deixaram de constar nas listas do Infarmed* 
No ano passado, a VF1883 foi a empresa que se destacou por ter desaparecido das listas de empresas licenciadas pelo Infarmed. Este ano, confirma-se a ausência da Clever Leaves, que abandonou operações em Portugal e perdeu todas as licenças, mas esta empresa não foi a única a deixar de constar das listas de empresas licenciadas.

Três outras empresas perderam ou não renovaram a licença para comércio por grosso: a Empifarma-Produtos Farmacêuticos, a Medlog – Logística Farmacêutica e a Cooprofar – Cooperativa dos Proprietários de Farmácia.

Veja aqui as listas actualizadas das empresas licenciadas pelo Infarmed I.P. em Portugal, à data de hoje, 5 de Novembro de 2023. Relembramos que estas listas estão em constante actualização no site do Infarmed.

Empresas licenciadas para Cultivo de Substâncias Controladas – Canábis:
1 – Key Leaves Lda.
2 – Qanali Lda.
3 – MHI Cultivo Medicinal S.A. (Medicane)
4 – SMC Therapeutic Health Center Production, Lda.
5 – RPK Biopharma, Unipessoal, Lda.
6 – Terra Verde, Lda.
7 – Tilray Portugal, Unipessoal, Lda.
8 – Sabores Púrpura, Lda.
9 – Sun Light Greens S.A.
10 – Grovida Lda.
11 – Pure Healing, Lda.
12 – Canna Forest, Lda.
13 – Agrivabe Produção Agrícola Lda.
14 – Cannexpor Pharma Lda.
15 – Cannprisma Pharma, Lda.
16 – Weez Garden, Unipessoal Lda.
17 – Sociedade Agrícola Monte das Barrocas, Lda.
18 – Symtomax Unipessoal Lda.
19 – Agrovete, SA
20 – Galaxiavertical – Unipessoal Lda.
21 — Belvedere Pharma S.A.
22 — GBE Pharma Unipessoal Lda.
23 — Canneurox Portugal Unipessoal S.A. (Avextra)
24 — Schroll Flavours Produção e Comercialização de Produtos Agrícolas Unipessoal Lda.

Empresas licenciadas para Fabrico de preparações e substâncias à base da planta da canábis:*
1 – Infosaúde – Instituto de Formação e Inovação em Saúde, S.A.
2 – Somaí Pharmaceutical, Unipessoal Lda.
3 – Portocanna, S.A.
4 – QPLab Pharma Services, Lda.
5 – RPK Biopharma, Unipessoal Lda.
6 – Agrivabe Produção Agrícola Lda.
7 – Labialfarma Laboratório de Produtos Farmacêuticos e Nutracêuticos, S.A.
8 – Iberfar Indústria Farmacêutica, S.A.
9 – Cannprisma Pharma, Lda.
10 – MHI Cultivo Medicinal, S.A. (Medicane)
11 — Sociedade Agrícola Monte das Barrocas, Lda.
12 — Bluestabil – Stability Studies Services, Lda
13 — Blossom Genetics Unipessoal Lda.
14 — ISQ – Instituto de Soldadura e Qualidade
15 — Technophage, Investigação e Desenvolvimento em Biotecnologia S.A.
16 — Tilray Portugal, Unipessoal, Lda.

Empresas licenciadas para Comércio por Grosso de preparações e substâncias à base da planta da canábis:
1 – Canna Forest Lda.
2 – Smart Nature, Lda.
3 – Sabores Púrpura, Lda.
4 – Alliance Healthcare S.A.
5 – Logista, Transportes, Transitários e Pharma, Unipessoal, Lda.
7 – Jazz Pharmaceuticals France – Sucursal em Portugal
8 – Ferraz Lynce Especialidades Farmacêuticas, S.A.
9 – Plural – Cooperativa Farmacêutica, C.R.L.
10 – Alloga Logifarma, S.A.
11 – Noidecs, Unipessoal, Lda.
12 — Galaxiavertical, S.A.

Empresas licenciadas para Importação de preparações e substâncias à base da planta da canábis:
1 – Key Leaves, Lda.
2 – MHI Cultivo Medicinal, S.A. (Medicane)
3 – Smart Nature, Lda.
4 – Qanali, Lda.
5 – Portocanna, S.A.
6 – SMC Therapeutic Health Center Production, Lda.
7 – Blossom Genetics Unipessoal Lda.
8 – Sabores Púrpura, Lda.
9 – RPK Biopharma, Unipessoal, Lda.
10 – Terra Verde, Lda.
11 – Tilray Portugal, Unipessoal, Lda.
12 – Grovida, Lda.
13 – Canna Forest, Lda.
14 – Pure Healing, Lda.
15 – Ferraz Lynce Especialidades Farmacêuticas, S.A.
16 – Cannprisma – Pharma, Lda.
17 – Weez Garden, Unipessoal Lda.
18 – Sociedade Agrícola Monte das Barrocas, Lda.
19 – Cannexpor Pharma, Lda.
20 – Agrivabe Medical Cannabis
21 – Symtomax Unipessoal, Lda.
22 – Agrovete, S.A.
23 – Iberfar Indústria Farmacêutica, S.A.
24 – Noidecs, Unipessoal, Lda.
25 – Galaxiavertical – Unipessoal, Lda.
26 — Canneurox Portugal Unipessoal S.A. (Avextra)
27 — Somaí Pharmaceutical, Unipessoal Lda.
28 — Sun Light Greens S.A.
29 — Belvedere Pharma S.A.
30 — GBE Pharma Unipessoal Lda.
31 — Schroll Flavours Produção e Comercialização de Produtos Agrícolas Unipessoal Lda.
32 — Jazz Pharmaceuticals France – Sucursal em Portugal

Empresas licenciadas para Exportação de preparações e substâncias à base da planta da canábis:
1 – Key Leaves, Lda.
2 – Ferraz Lynce Especialidades Farmacêuticas, S.A.
3 – Pure Healing, Lda.
4 – Qanali, Lda.
5 – Portocanna, S.A.
6 – SMC Therapeutic Health Center Production, Lda.
7 – Somaí Pharmaceutical, Unipessoal Lda.
8 – RPK Biopharma, Unipessoal, Lda.
9 – Sabores Púrpura, Lda.
10 – Terra Verde, Lda.
11 – Tilray Portugal, Unipessoal, Lda.
12 – Canna Forest, Lda.
13 – Sociedade Agrícola Monte das Barrocas, Lda.
14 – Cannexpor Pharma Lda.
15 – Cannprisma – Pharma, Lda.
16 – Grovida, Lda.
17 – Weez Garden, Unipessoal Lda.
18 – Symtomax Unipessoal, Lda.
19 – Agrivabe Medical Cannabis
20 – Agrovete, S.A.
21 – Labialfarma Laboratório de Produtos Farmacêuticos e Nutracêuticos S.A.
22 – Smart Nature, Lda.
23 – Iberfar Indústria Farmacêutica, S.A.
24 – Noidecs, Unipessoal, Lda.
25 – Galaxiavertical, Unipessoal, Lda.
26 – MHI Cultivo Medicinal, S.A. (Medicane)
27 — Canneurox Portugal Unipessoal S.A. (Avextra)
28 — Belvedere Pharma S.A.
29 — Blossom Genetics Unipessoal Lda.
30 — GBE Pharma Unipessoal Lda.
31 — Sun Light Greens S.A.
32 — Schroll Flavours Produção e Comercialização de Produtos Agrícolas Unipessoal Lda.

Empresas com certificação EU-GMP:
1 – Infosaúde – Instituto de Formação e Inovação em Saúde S.A.
2 – Tilray Portugal, Unipessoal, Lda.
3 – Portocanna S.A.
4 – QPLab Pharma Services Lda.
5 – RPK Biopharma Unipessoal Lda.
6 – Agrivabe Medical Cannabis
7 – Labialfarma Laboratório de Produtos Farmacêuticos e Nutracêuticos S.A.
8 – Iberfar Indústria Farmacêutica S.A.
9 – Blossom Genetics Unipessoal Lda.
10 – MHI Cultivo Medicinal S.A. (Medicane)
11 – Alloga Logifarma, S.A.
12 — Bluestabil – Stability Studies Services, Lda
13 — Sociedade Agrícola Monte das Barrocas, Lda.
14 — Somaí Pharmaceutical, Unipessoal Lda.
15 — Cannprisma – Pharma, Lda.
16 — ISQ – Instituto de Soldadura e Qualidade
17 — Technophage, Investigação e Desenvolvimento em Biotecnologia S.A.

* Nota do Editor: Este artigo e os respectivos mapas foram actualizados às 21:30 do dia 14 de Novembro de 2023, com a re-introdução da Tilray Portugal na lista das licenças para fabrico de substâncias e preparações à base de canábis. Devido a um lapso, assumido pelo Infarmed, a Tilray não constava da referida lista à data da publicação deste artigo. O Cannareporter confirmou ontem que a Tilray tinha, de facto, voltado a figurar na lista de fabrico e contactou o Infarmed. Ao telefone, Vasco Bettencourt, da Unidade de Licenciamentos, confirmou ter havido um “erro técnico”, que foi prontamente corrigido. Também a Tilray, esclareceu por e-mail que “pediu a renovação desta licença a 17 de Abril de 2023” e que nunca deixou de a ter. Apesar de o Cannareporter ser completamente alheio a esta situação, pedimos desculpas aos visados pelo sucedido.  

Versão do mapa em Inglês:

 

____________________________________________________________________________________________________

[Aviso: Por favor, tenha em atenção que este texto foi originalmente escrito em Português e é traduzido para inglês e outros idiomas através de um tradutor automático. Algumas palavras podem diferir do original e podem verificar-se gralhas ou erros noutras línguas.]

____________________________________________________________________________________________________

O que fazes com 3€ por mês? Torna-te um dos nossos Patronos! Se acreditas que o Jornalismo independente sobre canábis é necessário, subscreve um dos níveis da nossa conta no Patreon e terás acesso a brindes únicos e conteúdos exclusivos. Se formos muitos, com pouco fazemos a diferença!

+ posts
+ posts
Clique aqui para comentar
Subscribe
Notify of

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Publicidade


Veja o Documentário "Pacientes"

Documentário Pacientes Laura Ramos Ajude-nos a crescer

Mais recentes

Eventos15 horas atrás

Maren Krings, autora de “H is for Hemp” apresenta o seu documentário sobre a Ucrania hoje em Lisboa

Maren Krings, fotojornlista autro-alemã e autora do livro “H is for Hemp” está hoje em Lisboa para apresentar o seu...

Internacional3 dias atrás

EUA: Pediatra Bonni Goldstein lança petição contra a proibição de medicamentos de CBD natural na Califórnia

A pediatra norte-americana Bonni Goldstein está a alertar para a tentativa de proibição de medicamentos derivados de CBD natural na...

Internacional3 dias atrás

Europa tem quase 23 milhões de utilizadores de canábis, a mais consumida de todas as substâncias ilícitas

A canábis continua a ser, de longe, a substância ilícita mais consumida na Europa. Estas são as conclusões do “Relatório...

Eventos4 dias atrás

Mary Jane celebra a cultura da canábis legal pela primeira vez na Alemanha

É já no próximo fim-de-semana, de 14  16 de Junho, que se realiza a já habitual Mary Jane, na Messe...

Eventos1 semana atrás

CB Club reúne profissionais da canábis antecipando a Mary Jane, em Berlim

A antecipar a CB Expo (Cannabis Business Expo and Conference), que acontecerá em Dortmund, em Setembro, a CB Company vai...

Reportagem1 semana atrás

África do Sul: a legalização de uma indústria que já prospera

Nas semanas que antecederam as eleições para Assembleia Geral na África do Sul, na passada quarta-feira, 29 de Maio, havia...

Entrevistas1 semana atrás

Rui Reininho: “Eu acho esquisitíssimo andarem os meus colegas da GNR a meter o nariz nas propriedades das pessoas a ver o que é que esta planta faz”

Rui Reininho, músico português que ficou famoso enquanto vocalista dos GNR, dispensa apresentações. Ao contrário do que muitos pensam, não fundou...

Notícias2 semanas atrás

Canadá: Estudo demonstra que utilização de canábis reduz consumo de metanfetaminas

Os utilizadores de poli-drogas, indivíduos que consomem várias substâncias, recorrem frequentemente à canábis como forma de reduzir o seu consumo...

Eventos4 semanas atrás

CannaTrade regressa a Zurique de 24 a 26 de Maio

A CannaTrade – Feira e Festival Internacional do Cânhamo de Zurique atinge em 2024 a maioridade, celebrando a sua 18ª...

Comunicados de Imprensa4 semanas atrás

Grupo SOMAÍ e a sua subsidiária RPK Biopharma ampliam parceria com Cookies para incluir Europa e Reino Unido

LISBOA, PORTUGAL, 16 de maio de 2024 /EINPresswire.com/ — O Grupo SOMAÍ (“SOMAÍ”) e a sua subsidiária, RPK Biopharma expandiram...