Connect with us

Cânhamo

EUA: USDA anuncia investimento de 10 milhões na investigação do cânhamo

Publicado

em

Ouvir este artigo

O Departamento de Agricultura dos Estados Unidos (USDA) divulgou recentemente o “Mapa de Necessidades da Investigação do Cânhamo” e anunciou um investimento de 10 milhões de dólares na pesquisa sobre esta cultura através da Universidade Estatal do Oregon. O documento debruça-se sobre as necessidades de investigação do sector do cânhamo e recomenda consórcios e parcerias público-privadas para potenciar o desenvolvimento da área, numa tentativa de acompanhar e até alcançar a China, a França e mesmo a Rússia, os maiores produtores de cânhamo do mundo.

No documento intitulado “Hemp Research Needs Roadmap” a USDA identifica as carências do sector do cânhamo no que toca à investigação, nomeadamente em quatro áreas: Aperfeiçoamento Genético, Melhores Práticas de Produção, Fabrico de Bioprodutos para uso final e Transparência e Consistência. O roadmapdivulgado em conjunto com um investimento de 10 milhões de dólares na investigação sobre a cultura do cânhamo, através da Oregon State University, dá também a conhecer as intenções norte-americanas de acelerar o ritmo e alcançar as nações com modelos de produção e transformação de cânhamo bem sucedidos.

No documento pode ler-se que as investigações relacionadas com o cânhamo subiram significativamente depois da aprovação da Farm Bill, em 2018, porém reconhece também o difícil enquadramento legal da investigação de cânhamo: “qualquer interacção com cânhamo pode resultar em penalidades criminais”. O documento descreve que “grande parte do conhecimento prévio sobre genética, agronomia e processamento do cânhamo estava, na melhor das hipóteses, em espera desde o final da Segunda Guerra Mundial” e que por esse motivo “há muito a aprender sobre as necessidades de pesquisa da indústria do cânhamo” ainda em desenvolvimento.

Aprender com outros países 

A USDA faz referência a outros países, que desenvolveram uma indústria de cânhamo bem-sucedida: os maiores produtores mundiais são a França, a China, a Coreia do Norte, a Austrália e a Rússia, que produz o dobro de semente de cânhamo que a América. A entidade defende que os EUA têm a capacidade e os recursos para se tornarem um competidor viável com outras nações produtoras de cânhamo. Isto se forem abordados os principais desafios de pesquisa em genética, produção e processamento, de forma a encontrar e identificar soluções viáveis.

Este roadmap categorizou quatro áreas de necessidades de investigação que irão criar condições para o cultivo, transformação e distribuição equitativa, sustentável e rentável da indústria do cânhamo nos Estados Unidos, com recurso a abordagens transdisciplinares. A USDA pretende assim garantir o desenvolvimento integral das cadeias de valor, com recurso às melhores práticas para criar sistemas produtivos e rentáveis que conservem a qualidade dos recursos naturais, criem empregos e garantam meios de subsistência.

As áreas prioritárias identificadas abrangem desde melhoramento genético até práticas de produção, passando pelo biofabrico para diversos fins, transparência e consistência. A USDA afirma que este é um passo que demonstra o compromisso do governo norte-americano em impulsionar a inovação e competitividade global da indústria do cânhamo, “alinhando-se com a visão delineada na Ordem Executiva da Administração Biden-Harris sobre Promoção da Inovação em Biotecnologia e Biomanufactura para uma Bioeconomia Americana Sustentável, Segura e Próspera”.

A importância das parcerias — a PPP americana para o cânhamo

O documento reconhece ainda que as parcerias e colaborações são fundamentais para garantir valor ao longo de toda a cadeia do cânhamo. Segundo o documento, deve procurar-se o estabelecimento de um consórcio público-privado para o cânhamo, “para promover interacções positivas e cooperação” de forma a aproveitar “oportunidades e enfrentar desafios em cada área identificada”. De acordo com a USDA, o objectivo de um consórcio de cânhamo será o de “facilitar um esforço concertado para melhorar relacionamentos, optimizar empreendimentos de investigação, melhorar a gestão de riscos e agregar recursos quando aplicável.”

A USDA recomenda ainda que o consórcio possa incluir o envolvimento com o programa “Biopreffered”, da própria USDA, onde destaca a elevação do cânhamo a subgrupo do Conselho Nacional da Bioeconomia, com um foco para “a investigação sobre a comercialização do cânhamo através dos programas da agência de Investigação e Desenvolvimento em Pequenas Empresas (SBIR) e de Transferência de Tecnologia em Pequenas Empresas (STTR)”. A autoridade norte-americana refere ainda que o Conselho Nacional do Cânhamo Industrial (National Industrial Hemp Council- NIHC) que é um beneficiário do Programa de Acesso ao Mercado da USDA, também é central nos esforços de desenvolvimento de mercado da indústria do cânhamo industrial dos Estados Unidos, referindo que este seria um parceiro-chave para garantir o desenvolvimento da cadeia de valor, sem fazer menção a outros grupos ou stakeholders da indústria.

Apesar de ainda não ser claro se existirá efectivamente consórcio e quais os integrantes do mesmo, a USDA prevê o desenvolvimento de uma plataforma para criação e partilha de dados, consolidação da representação do sector privado e testagem e padronização lideradas pelo sector público.

Leia o relatório na íntegra abaixo:

hemp-research-needs-roadmap

 

____________________________________________________________________________________________________

[Aviso: Por favor, tenha em atenção que este texto foi originalmente escrito em Português e é traduzido para inglês e outros idiomas através de um tradutor automático. Algumas palavras podem diferir do original e podem verificar-se gralhas ou erros noutras línguas.]

____________________________________________________________________________________________________

O que fazes com 3€ por mês? Torna-te um dos nossos Patronos! Se acreditas que o Jornalismo independente sobre canábis é necessário, subscreve um dos níveis da nossa conta no Patreon e terás acesso a brindes únicos e conteúdos exclusivos. Se formos muitos, com pouco fazemos a diferença!

Clique aqui para comentar
Subscribe
Notify of

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Publicidade


Veja o Documentário "Pacientes"

Documentário Pacientes Laura Ramos Ajude-nos a crescer

Mais recentes

Eventos4 dias atrás

ICBC Berlim volta a brilhar. É o início de uma nova era para a indústria da canábis na Alemanha

A ICBC Berlin foi a primeira grande conferência internacional sobre canábis a ocorrer após a legalização do uso adulto na...

Internacional4 dias atrás

EUA: Produtos de Mike Tyson recolhidos por contaminação de bolor

As autoridades da Califórnia emitiram um aviso de recolha obrigatória para dois produtos da marca de canábis de Mike Tyson,...

Eventos6 dias atrás

O 4:20 está a chegar e há celebrações no Porto e em Lisboa

A data da celebração da cultura da canábis está a chegar! Este sábado, 20 de Abril, é o dia em...

Internacional1 semana atrás

Paul Bergholts, alegado líder da Juicy Fields, detido na República Dominicana

Paul Bergholts, o alegado líder do esquema em pirâmide Juicy Fields, terá sido detido na República Dominicana e será submetido a...

Saúde2 semanas atrás

Canabinóides revelam resultados promissores no tratamento do Transtorno da Personalidade Borderline

Uma investigação levada a cabo pela Khiron LifeSciences e coordenada por Guillermo Moreno Sanz sugere que os medicamentos à base de...

Internacional2 semanas atrás

Caso Juicy Fields: 9 detidos pela Europol e Eurojustice. Burla ultrapassa 645 milhões de euros

Uma investigação conjunta conduzida por várias autoridades europeias, apoiadas pela Europol e pela Eurojust, culminou na detenção de nove suspeitos...

Internacional2 semanas atrás

Utilizadores regulares de canábis podem necessitar de mais anestesia durante procedimentos médicos

Os utilizadores regulares de canábis podem necessitar de mais anestesia durante os procedimentos médicos para permanecerem sedados, se comparados com...

Internacional2 semanas atrás

O futuro do CBD no Japão: Como as reformas legais irão moldar o mercado

No final do ano passado, o Japão deu um grande passo em direcção à reforma da canábis depois de aprovar...

Nacional2 semanas atrás

Portugal: GreenBe Pharma obtém certificação EuGMP nas instalações de Elvas

A GreenBe Pharma, uma empresa de canábis medicinal localizada em Elvas, Portugal, obteve a certificação EU-GMP, ao abrigo dos regulamentos...

Nacional3 semanas atrás

Álvaro Covões, da Everything is New, compra instalações da Clever Leaves no Alentejo por 1.4 milhões de euros

Álvaro Covões, fundador e CEO da agência promotora de espectáculos ‘Everything is New‘, que organiza um dos maiores festivais de...