Connect with us

Nacional

Portugal: GreenBe Pharma obtém certificação EuGMP nas instalações de Elvas

Publicado

em

Ouvir este artigo

A GreenBe Pharma, uma empresa de canábis medicinal localizada em Elvas, Portugal, obteve a certificação EU-GMP, ao abrigo dos regulamentos de Boas Práticas de Fabrico da União Europeia, anunciou  empresa em comunicado de Imprensa. Os primeiros lotes de produtos compatíveis com EU-GMP estarão disponíveis já nesta primavera, permitindo à GreenBe processar flores de canábis de qualidade farmacêutica, destinadas para já aos mercados internacionais. A conformidade com as regras GMP da UE é obrigatória para o comércio internacional e demonstra que a empresa adere aos padrões farmacêuticos globais, tornando esta certificação um marco importante para a GreenBe Pharma, que tem cerca de 10.000 m2 concebidos para o cultivo de plantas de canábis, A GreenBe Pharma utiliza estufas de alta tecnologia sob processos energeticamente eficientes e práticas sustentáveis. As instalações funcionam desde a sua fundação sob as Normas GACP, Boas Práticas Agrícolas e de Colheita, que também foi certificada pelo Infarmed, em Setembro de 2023. Na sua unidade de Elvas, a GreenBe inclui 19 câmaras de cultivo independentes, cada uma com as suas capacidades de controlo climático. Além disso, a instalação de processamento que obteve a certificação EU-GMP permitirá uma capacidade máxima de processamento de até quatro toneladas de flores de canábis secas anualmente na forma de Ingredientes Farmacêuticos Activos (API) para atender aos mercados nacionais e internacionais. A empresa anunciou também que desenvolveu e está actualmente a cumprir acordos de cultivo e fabrico com empresas farmacêuticas e de distribuição para distribuir os seus produtos de canábis medicinal em Portugal, Alemanha, Reino Unido, Austrália e outros mercados internacionais, garantindo o acesso dos pacientes às prescrições em farmácias. Esta conquista representa um marco significativo para a GreenBe Pharma, uma vez que estes são actualmente alguns dos mercados mais crescentes para a canábis medicinal a nível mundial. Durante os últimos 18 meses, a GreenBe investiu nas suas capacidades de cultivo e fabrico para garantir que os seus produtos cumprem os requisitos de qualidade dos seus parceiros e cumprem os mais rigorosos padrões dos regulamentos internacionais. João Janeiro, director de operações da GreenBe Pharma, afirmou que “alcançar este importante marco para nós foi possível graças aos esforços da empresa que fornece os meios e recursos para a construção do sistema de produção de canábis medicinal mais eficiente e robusto em Portugal”. Na GreenBe Pharma existe uma clara vocação para uma produção agrícola altamente eficiente, desde a concepção do projecto. “Cultivamos outras culturas valiosas há seis gerações e vamos concentrar-nos naquilo em que somos bons: cultivar plantas da mais alta qualidade, dos melhores programas de melhoramento do mundo, que o mercado orientado ao paciente exige”, afirmou João Janeiro. Eliecer Lopez, gestor de desenvolvimento de negócios da GreenBe Pharma, referiu que “depois de todo o complexo ter sido construído e ficar operacional em apenas 11 meses, obter a acreditação do Infarmed para EU-GMP tem sido uma das partes mais desafiantes de todo o processo. No entanto, o tempo decorrido desde a construção permitiu-nos testar e seleccionar uma vasta gama de genética para diferentes fins e testar e afinar as instalações de ponta para alcançar a excelência operacional”. A estratégia focada no cliente, de acordo com a empresa, visa fornecer produtos inovadores a pacientes em todo o mundo. A GreenBe Pharma projectou um portfólio de cultivares para combinar produtos com maior THC com variedades populares balanceadas com perfis terpenóides excepcionais. “A equipa de produção e garantia de qualidade fez um excelente trabalho, garantindo que qualquer flor colhida e processada nas nossas instalações de Elvas, desde Julho de 2023, com paixão e atenção aos detalhes, estará em conformidade com as normas GMP da UE. Isso permitirá começar a distribuir as nossas variedades aos nossos parceiros já nesta primavera”, concluiu Eliecer Lopez.

 

____________________________________________________________________________________________________

[Aviso: Por favor, tenha em atenção que este texto foi originalmente escrito em Português e é traduzido para inglês e outros idiomas através de um tradutor automático. Algumas palavras podem diferir do original e podem verificar-se gralhas ou erros noutras línguas.]

____________________________________________________________________________________________________

O que fazes com 3€ por mês? Torna-te um dos nossos Patronos! Se acreditas que o Jornalismo independente sobre canábis é necessário, subscreve um dos níveis da nossa conta no Patreon e terás acesso a brindes únicos e conteúdos exclusivos. Se formos muitos, com pouco fazemos a diferença!

+ posts
Clique aqui para comentar
Subscribe
Notify of

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Publicidade


Veja o Documentário "Pacientes"

Documentário Pacientes Laura Ramos Ajude-nos a crescer

Mais recentes

Eventos2 dias atrás

CannaTrade regressa a Zurique de 24 a 26 de Maio

A CannaTrade – Feira e Festival Internacional do Cânhamo de Zurique atinge em 2024 a maioridade, celebrando a sua 18ª...

Comunicados de Imprensa3 dias atrás

Grupo SOMAÍ e a sua subsidiária RPK Biopharma ampliam parceria com Cookies para incluir Europa e Reino Unido

LISBOA, PORTUGAL, 16 de maio de 2024 /EINPresswire.com/ — O Grupo SOMAÍ (“SOMAÍ”) e a sua subsidiária, RPK Biopharma expandiram...

Nacional6 dias atrás

Portugal: Consumo estimado de CBD aumenta, apesar da proibição

O relatório “Cannabis in Portugal”, realizado pela Euromonitor International, divulgou os dados mais recentes sobre a indústria da canábis, os...

Nacional1 semana atrás

“Canábis. Maldita e Maravilhosa”, de Margarita Cardoso de Meneses, chega às livrarias a 16 de Maio

Margarita Cardoso de Meneses, colaboradora do CannaReporter®, acaba de publicar o livro “Canábis. Maldita e Maravilhosa”, editado pela Oficina do...

Comunicados de Imprensa2 semanas atrás

Montemor-o-Velho: Detido por cultivo de canábis

O Comando Territorial de Coimbra, através do Núcleo de Investigação Criminal (NIC) do Destacamento Territorial de Montemor-o-Velho, hoje, dia 9...

Eventos2 semanas atrás

PTMC – Portugal Medical Cannabis reúne indústria da canábis medicinal a 22 de Maio, em Lisboa

A PTMC – Portugal Medical Cannabis vai reunir os profissionais da indústria da canábis medicinal no próximo dia 22 de...

Corporações2 semanas atrás

EUA: MedMen declara falência com 400 milhões de dólares de dívidas

A gigante norte-americana da canábis MedMen entrou em colapso sob o peso da sua dívida, anunciando na semana passada que...

Notícias2 semanas atrás

Estudo revela que legalização da canábis não aumenta consumo de outras substâncias

Um dos argumentos mais usados contra a legalização da canábis para uso adulto ou recreativo tem sido a ideia de...

Cânhamo2 semanas atrás

Letónia: Hemp School, da Obelisk Farm, é finalista do Prémio EFT Green Skills 2024

A Obelisk Farm continua a ser reconhecida mundo fora pela sua abordagem sui generais à exploração do cânhamo industrial. O projecto familiar, que...

Eventos2 semanas atrás

EUA: CannMed 24 Innovation & Investment Summit regressa a Marco Island, na Florida, de 12 a 15 de Maio

É uma das mais importantes conferências científicas sobre a indústria da canábis medicinal e regressa a Marco Island, na Florida,...