Connect with us

Nacional

Clever Leaves recebe aprovação do Infarmed para duplicar área de cultivo

Publicado

em

Ouvir este artigo
Instalações da Clever Leaves em Odemira. Foto: D.R.

A Clever Leaves Holdings Inc., uma empresa multinacional e produtora licenciada de canabinóides de qualidade farmacêutica, obteve aprovação do Infarmed I.P. para expandir as suas instalações em Odemira, no sul de Portugal. Em comunicado de Imprensa enviado esta manhã, a Clever Leaves disse que expandir a área de produção de canábis para fins medicinais irá reforçar a área de investigação científica e aumentar as unidades de exportação.

Com esta aprovação, a propriedade da Clever Leaves existente na região de São Teotónio, em Odemira, mais do que duplica a sua capacidade de cultivo: passa dos cerca de 10.000 metros quadrados já antes licenciados pelo Infarmed para perto de 24.000 metros quadrados – incluindo uma instalação dedicada e concebida especificamente para fins de Pesquisa Aplicada.

Em simultâneo, o Infarmed renovou a licença da empresa para cultivar, importar e exportar produto de qualidade farmacêutica, uma decisão essencial para que a Clever Leaves Portugal continue os seus esforços de continuada expansão e o desenvolvimento da investigação realizada por este operador do mercado de canábis medicinal.

Kyle Detwiler, CEO da Clever Leaves. Foto: D.R.

A aprovação da expansão das instalações permitirá, não apenas elevar a produção comercial para um maior padrão de qualidade, como também reforçar o foco na atenção dada à testagem e estabilização de novas variedades da planta da canábis e no desenvolvimento contínuo de novos produtos, através de várias técnicas e processos de Investigação Aplicada.

Até agora, a Clever Leaves tem expedido produto das suas instalações portuguesas para o Reino Unido, Austrália, Estados Unidos e Israel, países com requisitos distintos no que respeita às especificações que devem ser cumpridas para permitir a entrada deste tipo de produtos em cada país. O espaço adicional em estufa agora aprovado pelo Infarmed permitirá uma maior adaptação dos esforços de cultivo à regulamentação específica de cada país, o que resultará no aumento da capacidade de exportação e na maior diversificação dos países para os quais as exportações são feitas.

“As nossas operações portuguesas no ano passado já permitiram estabelecer um patamar histórico no comércio global de canábis”, disse Kyle Detwiler, CEO da Clever Leaves. “Com esta nova aprovação concedida para a expansão das nossas operações, estamos optimistas em relação ao que conseguiremos alcançar no mercado internacional em 2022”.

Entre os factores específicos que irão promover condições ainda mais favoráveis para a produção de canábis para uso medicinal nas novas instalações, a empresa identifica, por exemplo, um melhor controlo da temperatura, medidas de gestão da humidade e melhores condições de iluminação. A produção nas novas instalações de cultivo foi já iniciada, esperando-se que os primeiros produtos estejam prontos para o mercado no segundo ou terceiro trimestres de 2022. Paralelamente, a construção segue a bom ritmo no projecto de expansão que a Clever Leaves está a levar a cabo para aumento das suas capacidades de processamento pós-colheita em Portugal, o qual a empresa espera que esteja completamente operacional no final de 2022.

Publicidade


Veja o Documentário "Pacientes"

Documentário Pacientes Laura Ramos Ajude-nos a crescer

Mais recentes

Internacional13 horas atrás

Conselho de Pacientes do IACM participa pela primeira vez na Comissão de Estupefacientes da ONU

O Conselho de Pacientes da IACM — International Association for Cannabinoid Medicines — vai marcar presença, pela primeira vez, na próxima...

Opinião1 dia atrás

O principal erro da legalização na Alemanha

A primavera alemã vai chegar com novas flores. A Alemanha é o terceiro país da União Europeia a legalizar totalmente a...

Eventos2 dias atrás

Spannabis volta a acolher ICBC Barcelona de 14 a 17 de Março

A International Cannabis Business Conference (ICBC) vai abrir mais uma edição da Spannabis, no próximo dia 14 de Março, com o intuito...

Comunicados de Imprensa3 dias atrás

Porto, Matosinhos, Valongo e Paredes – Oito detidos por tráfico e apreendidas mais de 8000 doses de estupefacientes

O Comando Territorial do Porto, através do Núcleo de Investigação Criminal (NIC) de Santo Tirso, entre os dias 20 e...

Nacional4 dias atrás

Portugal: GNR apreende 3 toneladas de haxixe no Rio Guadiana

A Unidade de Controlo Costeiro e de Fronteiras (UCCF) da Guarda Nacional Republicana (GNR) apreendeu na passada sexta-feira, dia 23...

Eventos4 dias atrás

Spannabis 2024: Barcelona acolhe a 20ª edição da maior exposição de canábis do mundo, de 15 a 17 de Março

Barcelona prepara-se para acolher a 20.ª edição da Spannabis, a maior feira de canábis do mundo, nos próximos dias 15,...

Internacional1 semana atrás

Alemanha: Bundestag votou hoje a favor da legalização da canábis, mas ainda é necessária a aprovação do Conselho Federal

O Bundestag debateu e votou esta tarde o projecto da legalização do uso pessoal de canábis no país, com 407...

Internacional1 semana atrás

Alemanha: Legalização vai ser discutida esta sexta-feira, dia 23

O Bundestag da Alemanha vai finalmente deliberar sobre a legalização da canábis para consumo pessoal no país. O debate, que tem sido...

Cânhamo1 semana atrás

Cultivo de Cânhamo nos Açores vai ter sessão de esclarecimento na Ilha Terceira

A Confraria Internacional Cannabis Portugal e a CannAzores unem esforços para promover uma Sessão de Esclarecimento sobre o Cultivo de...

Saúde2 semanas atrás

CBD e CBC mostram resultados promissores no carcinoma espinocelular de cabeça e pescoço

Um estudo publicado na revista Cancers descobriu que os extractos de canábis ricos em CBD (canabidiol) podem matar células cancerosas da...