Connect with us

Internacional

Áustria adiciona HHC à lista de substâncias psicoactivas

Publicado

em

Ouvir este artigo
Foto: D.R.

O consumo de produtos que contêm hexahydrocannabinol (HHC) na Áustria tem vindo a aumentar. No entanto, e uma vez que ainda há falta de dados científicos sobre as potenciais consequências do seu consumo na saúde humana, o Ministério da Saúde austríaco decidiu incluir o HHC na Nova Portaria sobre Substâncias Psicoactivas (NPSV). Este regulamento proíbe a produção e o comércio de produtos de HHC produzidos sinteticamente, mas a posse e o consumo permanecem impunes. 

Os produtos sintéticos de HHC, cada vez mais comercializados e consumidos na Áustria, estão agora sujeitos a este regulamento. A decisão tem como objectivo proteger os consumidores de potenciais riscos para a sua saúde no futuro, uma vez que ainda não existem conhecimentos científicos suficientes sobre os efeitos a curto e longo prazo do consumo de HHC por humanos. O novo regulamento entrou em vigor a partir do passado dia 23 de Março.

Tal como o THC e o CBD, o HHC pode ser naturalmente produzido pela planta de canábis e surge pelo processo de degradação natural do THC, embora isso resulte em quantidades muito residuais, fazendo com que o composto utilizado nos diversos produtos de HHC disponíveis no mercado seja obtido por processos laboratoriais de hidrogenação de extractos de canábis, tornando-o, assim, num produto semi-sintético.

Segundo o Ministro da Saúde austríaco, Johannes Rauch, “como nova substância psicoactiva, a produção e comercialização de HHC produzida sinteticamente é proibida até termos conhecimentos suficientes sobre as consequências para a saúde. As possíveis consequências a curto ou longo prazo para a saúde são ainda desconhecidas”, referiu.

A Áustria está agora a seguir o exemplo de outros países europeus e peritos de saúde, ao incluir o HHC na NPSV. A Finlândia também já classificou o HHC como uma nova substância psicoactiva e espera-se que a Bélgica e a Hungria lhe sigam o exemplo em breve. Outros países europeus estão também a discutir a futura utilização de produtos de HHC fabricados sinteticamente.

A inclusão de HHC no NPSV na Áustria é um passo necessário para proteger os consumidores de potenciais riscos para a saúde associados ao seu consumo. O regulamento proíbe a produção e o comércio de produtos sintéticos de HHC até haver dados científicos suficientes sobre as suas potenciais consequências para a saúde. À medida que mais países seguem o exemplo, espera-se que a utilização de HHC seja melhor compreendida e regulada no futuro.

 

____________________________________________________________________________________________________

[Aviso: Por favor, tenha em atenção que este texto foi originalmente escrito em Português e é traduzido para inglês e outros idiomas através de um tradutor automático. Algumas palavras podem diferir do original e podem verificar-se gralhas ou erros noutras línguas.]

____________________________________________________________________________________________________

O que fazes com 3€ por mês? Torna-te um dos nossos Patronos! Se acreditas que o Jornalismo independente sobre canábis é necessário, subscreve um dos níveis da nossa conta no Patreon e terás acesso a brindes únicos e conteúdos exclusivos. Se formos muitos, com pouco fazemos a diferença!

Clique aqui para comentar
Subscribe
Notify of

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Publicidade


Veja o Documentário "Pacientes"

Documentário Pacientes Laura Ramos Ajude-nos a crescer

Mais recentes

Cânhamo13 horas atrás

Itália: Alteração que queria proibir canábis light foi arquivada

A alteração que o governo de Giorgia Meloni queria fazer na lei da canábis em Itália e que pretendia proibir...

Cânhamo15 horas atrás

A confusão do cânhamo em Portugal: ASAE apreende CBD na Kings Yard, mas deixa flores por serem para “coleccionismo”

A Autoridade de Segurança Alimentar e Económica (ASAE) apreendeu cerca de 845 produtos numa loja da Kings Yard, que “apresentavam na sua...

Cânhamo4 dias atrás

Portugal: Estudo revela disparidades alarmantes na rotulagem do CBD, que continua proibido no país

Um estudo recente sobre os produtos de CBD em Portugal revela disparidades alarmantes entre o conteúdo de canabinóides anunciado e...

Internacional4 dias atrás

Espanha: Câmara de Barcelona encerra dezenas de clubes de canábis

A Câmara Municipal de Barcelona deu início a uma forte repressão contra os clubes de canábis da cidade, ordenando o...

Internacional6 dias atrás

Alemanha aprova o primeiro clube social de canábis após a legalização

A Ministra da Agricultura da Baixa Saxónia, Miriam Staudte, anunciou esta segunda-feira que o seu gabinete autorizou o primeiro clube...

Cânhamo1 semana atrás

Tailândia cada vez mais perto de reclassificar a canábis e o cânhamo como substâncias controladas

A Tailândia deu mais um passo decisivo no sentido de voltar a proibir a canábis no país. Na passada sexta-feira,...

Internacional2 semanas atrás

Observatório Europeu da Droga e da Toxicodependência (OEDT) passa a ser Agência da União Europeia das Drogas (EUDA)

A 2 de Julho de 2024 o Observatório Europeu da Droga e da Toxicodependência (EMCDDA) passará a ser a Agência...

Eventos3 semanas atrás

ICRS – International Cannabinoid Research Society reúne médicos e investigadores em Salamanca para o 34º Simpósio sobre Canabinoides

Se pensa que a investigação com canábis é algo recente e que inda não há estudos suficientes… pense outra vez! É...

Crónica3 semanas atrás

Terroir 101 – Uma Introdução

Este artigo inicia uma série sobre temas necessários para os que acreditam que esta planta merece ser reverenciada e elevada...

Eventos3 semanas atrás

Editora do CannaReporter®, Laura Ramos, nomeada “Jornalista do Ano” nos prémios Business of Cannabis

A indústria da canábis está prestes a reunir-se em Londres para dois dias de Cannabis Europa e uma noite de...