Connect with us

Nacional

André Ventura diz que quer “Limpar toda a canábis de Portugal”

Publicado

em

Ouvir este artigo

André Ventura, o conhecido líder do partido político português de extrema-direita, Chega, disse que quer “limpar toda a canábis de Portugal” e que o quer fazer utilizando técnicas EU-GMP. O Chega é o único partido português que se assume manifestamente contra a legalização da canábis no país. 

Apesar de esta notícia ser, obviamente, uma mentira do dia 1 de Abril, a verdade é que nas últimas eleições o Chega aumentou consideravelmente o número de deputados, de 12 para 50 assentos parlamentares. Esta representação Parlamentar poderá dificultar ou atrasar cada vez mais uma eventual regulamentação do uso adulto de canábis em Portugal. O que não é mentira é que, em comparação, a legalização do uso recreativo de canábis entrou precisamente hoje em vigor na Alemanha.

O Chega e a canábis: Ficção ou realidade?

Um dos lemas utilizados pela campanha política do Chega nas últimas eleições legislativas foi “Limpar Portugal”, numa alusão aos imigrantes, mas que também se poderia aplicar à canábis, uma vez que o Chega é assumidamente contra a legalização. “Um charro é o início de uma vida na toxicodependência”, afirmou um dos seus representantes na Assembleia da República.

André Ventura, líder do Chega, admitiu ter fumado canábis na sua juventude. Foto: D.R.

Apesar da sua posição pública, André Ventura assumiu ter fumado canábis na juventude, depois de algumas imagens suas de 2015 terem sido tornado públicas, onde aparece com um charro na mão.

No entanto, rejeitou lições de moral: “No dia em que eu ou o Chega recebermos lições de moral dos amigos da marijuana e do charro, Portugal estará perdido. Habituem-se, connosco será diferente”, disse no Facebook, reagindo a uma acusação de alta de seriedade do Bloco de Esquerda, a quem acusou de serem “amigos da marijuana e do charro” recusando ainda “lições de moral”.

Num debate que decorreu na Assembleia da República, em Setembro do ano passado, Pedro dos Santos Frazão, em representação do Grupo Parlamentar do Chega, deixou explícita a rejeição do partido a uma eventual regulamentação da canábis.

Para o efeito, o deputado citou Nelson Carvalho, director de serviços da Unidade operacional para os Comportamentos Aditivos e Dependências da Madeira: “Sou totalmente contra a legalização da canábis. Aliás, faz-me um pouco de confusão porque estamos a atravessar uma política do tabaco altamente restritiva e estamos a atravessar uma política altamente liberalizado da canábis. Isto é preocupante”. O deputado defendeu ainda que a legalização defende um problema de saúde pública terminando com a citação do psicólogo madeirense de que “a legalização é uma questão política e não de saúde”. O deputado debruçou-se igualmente na opinião coordenador do antigo Plano Nacional de Saúde mental, que, segundo o deputado, “não acreditava que a legalização da canábis de forma recreativa iria trazer benefícios no combate à toxicodependência”.

Pedro Santos Frazão deixou claro na Assembleia da República que o Chega é contra a legalização da canábis

Pedro Santos Frazão exprimiu que este tema não é um problema científico, defendendo que vários cientistas que vieram à Assembleia da República são contra a legalização da canábis, e acusa o partido socialista de aprovar “aquilo é o seu desiderato pelas leis contra do que dizem os especialistas”. Referindo-se ao seu partido, Frazão defendeu que “temos a rua connosco, sabemos que temos as famílias connosco”, acrescentando que “um charro é o início de uma vida na toxicodependência”.

Pode parecer mentira, mas tirando a “limpeza” da canábis, tudo o que aqui escrevemos é verdade.

 

____________________________________________________________________________________________________

[Aviso: Por favor, tenha em atenção que este texto foi originalmente escrito em Português e é traduzido para inglês e outros idiomas através de um tradutor automático. Algumas palavras podem diferir do original e podem verificar-se gralhas ou erros noutras línguas.]

____________________________________________________________________________________________________

O que fazes com 3€ por mês? Torna-te um dos nossos Patronos! Se acreditas que o Jornalismo independente sobre canábis é necessário, subscreve um dos níveis da nossa conta no Patreon e terás acesso a brindes únicos e conteúdos exclusivos. Se formos muitos, com pouco fazemos a diferença!

Clique aqui para comentar
Subscribe
Notify of

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Publicidade


Veja o Documentário "Pacientes"

Documentário Pacientes Laura Ramos Ajude-nos a crescer

Mais recentes

Internacional3 dias atrás

Paul Bergholts, alegado líder da Juicy Fields, detido na República Dominicana

Paul Bergholts, o alegado líder do esquema em pirâmide Juicy Fields, terá sido detido na República Dominicana e será submetido a...

Saúde6 dias atrás

Canabinóides revelam resultados promissores no tratamento do Transtorno da Personalidade Borderline

Uma investigação levada a cabo pela Khiron LifeSciences e coordenada por Guillermo Moreno Sanz sugere que os medicamentos à base de...

Internacional6 dias atrás

Caso Juicy Fields: 9 detidos pela Europol e Eurojustice. Burla ultrapassa 645 milhões de euros

Uma investigação conjunta conduzida por várias autoridades europeias, apoiadas pela Europol e pela Eurojust, culminou na detenção de nove suspeitos...

Internacional1 semana atrás

Utilizadores regulares de canábis podem necessitar de mais anestesia durante procedimentos médicos

Os utilizadores regulares de canábis podem necessitar de mais anestesia durante os procedimentos médicos para permanecerem sedados, se comparados com...

Internacional1 semana atrás

O futuro do CBD no Japão: Como as reformas legais irão moldar o mercado

No final do ano passado, o Japão deu um grande passo em direcção à reforma da canábis depois de aprovar...

Nacional2 semanas atrás

Portugal: GreenBe Pharma obtém certificação EuGMP nas instalações de Elvas

A GreenBe Pharma, uma empresa de canábis medicinal localizada em Elvas, Portugal, obteve a certificação EU-GMP, ao abrigo dos regulamentos...

Nacional2 semanas atrás

Álvaro Covões, da Everything is New, compra instalações da Clever Leaves no Alentejo por 1.4 milhões de euros

Álvaro Covões, fundador e CEO da agência promotora de espectáculos ‘Everything is New‘, que organiza um dos maiores festivais de...

Eventos2 semanas atrás

ICBC regressa a Berlin a 16 e 17 de Abril

É uma das maiores e mais reconhecidas conferências de B2B sobre canábis da Europa e regressa a Berlim já nos...

Internacional2 semanas atrás

A legalização da canábis na Alemanha vista pelos olhos do hacker que criou um mapa essencial

Um hacker de Koblenz, uma cidade do estado da Renânia-Palatinado, criou um mapa com os locais onde, a partir de...

Nacional2 semanas atrás

André Ventura diz que quer “Limpar toda a canábis de Portugal”

André Ventura, o conhecido líder do partido político português de extrema-direita, Chega, disse que quer “limpar toda a canábis de...